BMW Série 5 Touring ganha nova geração


bmw-serie-5-touring-2018-01A poucas semanas do Salão de Genebra, a BMW revelou os primeiros detalhes e fotos da nova geração da Série 5 Touring. Seguindo a receita do irmão sedã, apresentado em outubro (leia aqui), a perua ganhou caráter ainda mais conservador, remetendo aos modelos mais antigos da marca bávara. Infelizmente, sua vinda ao Brasil é incerta.

bmw-serie-5-touring-2018-02Em termos visuais, a Série 5 Touring mostra que não é um modelo feito para surpreender. As linhas são previsíveis, considerando-se o design do sedã e a tradicional solução usada pelas marcas alemãs neste compartilhamento estético. A dianteira é similar à do três-volumes, com as laterais assumindo personalidade própria pelo (óbvio) teto alongado e pela maior área envidraçada. A traseira segue o irmão, com grandes lanternas invadindo a tampa do porta-malas. Chama atenção o degrau logo abaixo do vidro, causando uma “quebra” na queda da carroceria.

bmw-serie-5-touring-2018-03Se por fora as mudanças não passam do necessário, por dentro elas praticamente inexistem. No entanto, a perua apresenta evolução em termos de acabamento e também espaço interno, com crescimento nas medidas. Ela agora possui 4,943 metros de comprimento (+3,6 centímetros), 1,868 m de largura (+0,8 cm), 1,498 m de altura (+1 cm) e 2,975 m de entre-eixos (+0,7 cm). O porta-malas comporta de 570 a 1700 litros, dependendo da configuração, com avanços de 10 a 30 litros, respectivamente.

bmw-serie-5-touring-2018-04Para quem quer exclusividade, a BMW oferece alguns pacotes personalizados. No visual, há 13 tonalidades para a carroceria, rodas com diâmetros entre 17″ e 20″ e dois kits: Luxury Line e Sport Line, cada um com um caráter específico, como seus nomes sugerem. Entre os itens em comum, há luzes de neblina em LED. O mais arrojado tem rodas de 18 polegadas com pintura bicolor (19″ em opção), acabamento preto para grades e molduras das janelas e bancos esportivos em couro. O luxuoso tem aros 18″ polidos (19″ opcionais), detalhes externos cromados e interior com torques em madeira. Mais caro, o pacote M Sport tem componentes aerodinâmicos, assentos em alcântara e suspensão com controle dinâmico de amortecimento.

bmw-serie-5-touring-2018-05

bmw-serie-5-touring-2018-06

Com seu coeficiente aerodinâmico (Cx) de 0,27, a Touring chega com quatro opções de motorização, inicialmente, todas com construção em alumínio e dois turbos. A opção de acesso a gasolina é o 2.0 16v de 252 cv e 35,7 kgfm (1.450 rpm), sempre com transmissão automática Steptronic de oito relações. Ele é oferecido no modelo 530i e tem 7 cv a mais que o antecessor. O propulsor mais forte é o 3.0 de seis cilindros e 340 cv com 45,9 kgfm (1.380 rpm). Usado no 540i xDrive, tem 34 cv a mais que o antigo produto, sai de fábrica com tração nas quatro rodas e faz a perua acelerar de zero a 100 km/h em 5,1 segundos.

bmw-serie-5-touring-2018-07A linha a diesel tem outros dois motores. Na versão 520d, há o 2.0 16v de 190 cv e 40,8 kgfm (1.750 rpm), que leva a Touring de zero a 100 km/h em oito segundos. As transmissões são manual de seis marchas ou automática Steptronic. Já a 530d usa o 3.0 de seis cilindros com 265 cv e 63,3 kgfm (2.000 rpm), podendo rodar com trações traseira ou integral xDrive. A caixa é sempre automática, levando a perua de zero a 100 km/h em 5,6 s.

bmw-serie-5-touring-2018-08

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s