F1: Renault quer ser “top5” com RS17 e Castrol


renault-rs17-f1-2017-01

A Renault foi a terceira escuderia a revelar o carro para a temporada 2017 da Fórmula 1. Com o nome RS17, a francesa destacou as várias mudanças em seu monoposto para alcançar uma meta ambiciosa: ficar entre as cinco melhores equipes neste ano. Para tanto, além das mudanças exigidas pelo novo regulamento e do motor mais forte, sem a terrível limitação imposta aos propulsores nos últimos campeonatos, ela conta também com uma aliada para fornecimento de combustíveis e lubrificantes: a Castrol.

O RS17 é, para a Renault, a grande oportunidade de se recolocar entre as grandes, após o ápice do bi de 2005 e 2006. Em nono lugar em 2016, à frente apenas das modestas Sauber e Manor, ela busca uma reviravolta. O novo veículo exibe traços mais sinuosos, graças à maior liberdade aerodinâmica desta temporada. A pintura ganhou novo arranjo e a capa do motor recebeu uma barbatana.

renault-rs17-f1-2017-02O motor, aliás, deve ficar mais confiável, por conta da limitação de uso de quatro unidades no ano sob pena de perda de posições no grid. Por outro lado, eles podem ser constantemente atualizados, garantindo maior competitividade para quem sair atrás. O diretor técnico Bob Bell afirma que o propulsor está no mesmo nível da Ferrari e ligeiramente atrás da Mercedes.

Presidente da Renault Sport, Jérôme Stoll se mostrou bastante otimista, especialmente ao colocar a equipe na parte superior da tabela – atrás apenas de Mercedes, Red Bull, Ferrari e uma quarta força, podendo ser McLaren, Force India, Williams ou Toro Rosso. Mas ele vai além: prevê lutas pelo pódio. Para tanto, a escuderia trouxe o alemão Nico Hulkenberg. Antiga promessa, ele ainda não decolou na categoria, mas tem seu talento. Seu parceiro será o contestado Jolyon Palmer, que fez campanha irregular e ainda não disse a que veio. O reserva será Sergey Sirotkin.

Além de conseguir se desvincular do passado da Lotus, que trazia uma estrutura precária por falta de recursos, a Renault ganhou novos aliados. Junto da Castrol, marca da petrolífera BP (British Petroleum) que substitui a francesa Total/Elf, a equipe fechou um acordo com a seguradora espanhola Mapfre.

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s