Renault revela formas definitivas do novo Alpine A110


Em dezembro (leia aqui), a Renault iniciou as vendas do ressurgido Alpine A110, um cupê de ares nostálgicos inspirados no esportivo homônimo e no A108, que no Brasil serviu de base para o aclamado Willys Interlagos. A marca aproveitou o Salão de Genebra para mostrar o design definitivo do modelo e confirmar a entrega das primeiras unidades para o final de 2017 na Europa. Clientes de Japão e Reino Unido, com volante à direita, recebem seus exemplares a partir do início de 2018.

Segundo a Renault, o surgimento do Alpine tem como objetivo criar um veículo que dê prazer ao dirigir. Para tanto, a marca projetou um veículo leve e compacto. A plataforma em alumínio o deixa com apenas 1.080 kg (versão de acesso, sem opcionais), distribuídos na proporção de 44% sobre o eixo dianteiro e 56% sobre o traseiro, graças também ao motor central traseiro e ao tanque central dianteiro.. Ele mede 4,178 metros de comprimento, 1798 m de largura e 1,252 m de altura.

Para mover o pequeno esportivo, foi desenvolvido um 1.8 16v pela Renault Sport. Com acerto específico para turbo, admissão e exaustão, ele entrega 252 cv e 32,6 kgfm de torque. O controle é feito pela transmissão de dupla embreagem e sete marchas fornecida pela Getrag. Segundo a Alpine, o conjunto leva o A110 de zero a 100 km/h em apenas 4,5 segundos, alcançando 250 km/h (máxima limitada eletronicamente). Ele conta ainda com três modos de condução (Normal, Sport e Track), que alteram o comportamento de controle de estabilidade (ESC), assistência de direção, gerenciamento da caixa de câmbio, entre outros. Entre outros destaques mecânicos, o modelo conta com sistema de freios da Brembo, que se escondem atrás das rodas de 18 polegadas.

O design não é novidade. Baseado no conceito Vision, ele praticamente não tem alterações estéticas, adotando linhas inspiradas nos clássicos cupês da Alpine. Os destaques são os faróis circulares com iluminação diurna, o perfil esportivo e o vidro traseiro que envolve as colunas C. Por dentro, a única foto divulgada mostra quadro de instrumentos digital, volante com base achatada e detalhes azuis, câmbio comandado por botões no console, fibra de carbono no topo do painel, entre outros.

Em sua chegada, o A110 terá uma série chamada Première Edition, limitada 1.955 unidades em alusão ao ano de lançamento da Alpine por parte de Jean Rédélé. Ela traz itens como o sistema ativo de exaustão do motor, os freios redimensionados, as rodas forjadas com acabamento diamantado, um aparelho de som exclusivo e uma plaqueta no painel indicando o número da unidade.

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s