F1: Hamilton vence GP da China; Vettel e Verstappen completam o pódio


A temporada 2017 promete ser uma das mais emocionantes da Fórmula 1 nos últimos anos. Após vários campeonatos dominados por Mercedes (2014-16) e Red Bull (2010-13), finalmente podemos ver duas escuderias brigando em pé de igualdade – ao menos após o encerramento da segunda etapa. O GP da China teve como vencedor o tricampeão Lewis Hamilton, reforçando a presença das flechas de prata na disputa pelo título. O segundo colocado, porém, foi Sebastian Vettel, que deixa a Ferrari na liderança de pilotos empatada com a Mercedes do inglês. A prova asiática ainda viu o promissor Max Verstappen dar mais um show ao chegar em terceiro com sua Red Bull, mesmo largando em 16º. Felipe Massa chegou em 14º.

A CORRIDA

A 54ª vitória de Hamilton na F1 foi tranquila. Largando na frente, o britânico não deu oportunidade para que seus adversários ameaçassem o triunfo. Ele venceu de ponta a ponta, sem largar a dianteira. A segunda colocação ficou com Vettel, que fez uma bela corrida de recuperação ao perder posições quando estava no box. Verstappen, como dito, teve desempenho primoroso, conseguindo segurar as investidas de seu companheiro de RBR, Daniel Ricciardo, quarto colocado.

A quinta posição ficou com Kimi Raikkonen, que sofreu com o motor sem torque de sua Ferrari. A colocação foi importante para deixar os italianos colados na Mercedes. Isso porque a outra flecha de prata, conduzida por Valtteri Bottas, cruzou a linha de chegada no sexto lugar. O finlandês errou sozinho durante a bandeira amarela e também precisou recuperar posições.

Quem sofreu bastante, outra vez, foi Fernando Alonso. Ele saiu em 13º, guiou sua McLaren na zona de pontuação até a nona colocação, mas precisou abandonar por um problema na homocinética. Já o brasileiro Felipe Massa não andou bem com a Williams. Ele largou mal, caindo de sexto para 10º já na primeira volta, concluindo a etapa em 14º. Seu companheiro, o estreante Lance Stroll, também não deve sorte: ele se chocou com uma Force India ainda no primeiro giro e abandonou ao ficar com o carro preso na brita, causando bandeira amarela. Na segunda volta, Antonio Giovinazzi rodou sozinho com sua Sauber, também abandonando.

A próxima etapa da Fórmula 1 acontece já neste final de de semana. A corrida será no domingo (16), às 12h (horário de Brasília).

GP HEINEKEN DA CHINA (56 voltas)
1. Lewis Hamilton (ING) – Mercedes – em 1h37min36s158
2. Sebastian Vettel (ALE) – Ferrari – a 6s250
3. Max Verstappen (HOL) – Red Bull-TAG Heuer – a 45s192
4. Daniel Ricciardo (AUS) – Red Bull-TAG Heuer – a 46s035
5. Kimi Raikkonen (FIN) – Ferrari – a 48s076
6. Valtteri Bottas (FIN) – Mercedes – a 48s808
7. Carlos Sainz Jr (ESP) – Toro Rosso-Ferrari – a 1min12s893
8. Kevin Magnussen (DIN) – Haas-Ferrari – a 1 volta
9. Sergio Perez (MEX) – Force India-Mercedes – a 1 volta
10. Esteban Ocon (FRA) – Force India-Mercedes – a 1 volta
11. Romain Grosjean (FRA) – Haas-Ferrari – a 1 volta
12. Nico Hulkenberg (ALE) – Renault – a 1 volta
13. Jolyon Palmer (ING) – Renault – a 1 volta
14. Felipe Massa (BRA) – Williams-Mercedes – a 1 volta
15. Marcus Ericsson (SUE) – Sauber-Ferrari– a 1 volta

NÃO COMPLETARAM
Fernando Alonso (ESP) – McLaren-Honda
Daniil Kvyat (RUS) – Toro Rosso-Ferrari
Stoffel Vandoorne (BEL) – McLaren-Honda
Antonio Giovinazzi (ITA) – Sauber-Ferrari
Lance Stroll (CAN)  – Williams-Mercedes

VOLTA MAIS RÁPIDA
Lewis Hamilton (ING) – Mercedes – 1min35s378 (volta 44)

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s