Ford Ka chega a um milhão de unidades produzidas no Brasil


Terceiro colocado em vendas e em sua segunda geração no Brasil, o Ford Ka acaba de alcançar a marca de um milhão de exemplares produzidos em solo tupiniquim. Lançado por aqui em 1997, como opção de transporte urbano, ele não teve grande demanda de início, mas foi avançando com a chegada de novidades. A cereja do bolo foi a segunda linhagem, oficializada em 2014, focada em um público mais amplo, que lhe permitiu chegar ao pódio de emplacamentos do mercado nacional.

Nascido na Europa para atuar no segmento de subcompactos, enfrentando veículos como Renault Twingo e Peugeot 106 – para citar os rivais que chegaram ao Brasil -, o Ka desembarcou por aqui em 1997. Na época, tinha linhas ousadas, da geração “New Edge” da marca, que lhe renderam apelidos pouco carinhosos. O design poderia ser exótico, mas tinha personalidade, com direito até a reloginho analógico no painel. Feito em São Bernardo do Campo (SP), ele trazia os motores 1.0 e 1.3 da família Endura-E, não tão aclamados.

Em 2000, o Ka ganhou um reforço: os motores da linha Zetec Rocam, de melhores desempenho (1.0 de 65 cv e 1.6 de 95 cv (XR, Action)) e manutenção. Em 2002, outra novidade, dessa vez exclusiva para o Brasil: a reestilização na traseira. O hatch recebia novos lanternas, tampa do porta-malas e para-choques. A partir daí suas vendas cresceram, mas nunca suficientes para enfrentar os líderes da categoria. Os motivos eram a carroceria exclusivamente de três portas e o espaço interno um tanto acanhado.

Já com uma segunda geração na Europa, irmã do Fiat 500, o Ka brasileiro dava sinais de cansaço frente aos rivais. Restou à Ford nacional uma solução caseira. Uma grande reformulação, incluindo o interior, fez o hatch tupiniquim mudar de cara. Eram novos faróis, grade, capô, para-choques, para-lamas, lanternas, tampa do porta-malas, janelas traseiras, painel e até o teto, alongado, que melhorou o espaço interno. Restaram apenas portas e para-brisa, além da falta da opção de acessos traseiros. Outros retoques viriam em 2012 para dar fôlego adicional.

Em 2014, a Ford lança sua segunda linhagem. Desenvolvida também no Brasil, ela se destaca pelo visual alinhado aos produtos globais da empresa, ao uso de uma nova plataforma e à oferta inédita da carroceria de cinco portas com mais espaço interno. Outros destaques são os motores 1.0 12v de três cilindros, além do 1.5 16v, e a inédita variação sedã Ka+.

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s