PSA encerra produção do motor 2.0 16v na Argentina


Apesar de já não ser mais oferecido no Brasil, o propulsor 2.0 16v de quatro cilindros, que equipou vários veículos por aqui, seguia em produção na Argentina. No entanto, a PSA Peugeot Citroën confirmou o fim do motor, montado no complexo do país vizinho há mais de uma década. Ele sai de cena por já não cumprir mais normas de emissões locais. A empresa, porém, não informou se haverá um novo produto para ocupar as linhas locais.

Feito na fábrica de Jeppener, o 2.0 16v foi usado exaustivamente na PSA. Na Argentina, ainda havia opção para os Peugeot 308 e 408 e para o Citroën C4 Lounge, que o perderam no Brasil em 2016 (leia aqui e aqui). Antes do trio, porém, ele foi utilizado em veículos como 307, 307 Sedan, C4, C4 Pallas e Xsara Picasso. Na terra do tango, ele rendia 143 cv ao consumir somente gasolina. Em sua variação flex, vendida por aqui, a potência subia para 151 cv com etanol.

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s