Ford desiste de fabricar Focus no México; EUA receberão modelo chinês


Temendo a ameaça de sobretaxa aos produtos mexicanos (leia aqui) feita pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a Ford decidiu a origem da quarta geração do Focus vendida no Tio Sam. A empresa passará a trazer da China as unidades do modelo quando este for completamente renovado, em 2019. É a primeira decisão de impacto do novo CEO, Jim Hackett, que substituiu Mark Fields no mês passado (leia aqui).

Oficialmente, a Ford nega que a decisão tenha relação com as ameaças de Trump, reiterando que a montagem de vários veículos seguirá na planta de Hermosillo, de onde sai o Fusion, por exemplo. Em suas contas, a importação da China resultará em uma economia de US$ 500 milhões (R$ bilhão), por questões de custo e câmbio. Além disso, a empresa acaba deixando a produção local para modelos de maior volume de vendas. Explica-se: o Focus tem registrado queda nos emplacamentos nos EUA, principalmente pela estabilização dos preços dos combustíveis, tornando SUVs e picapes grandes mais atraentes ao consumidor local. De todo modo, a construção de outra planta, em San Luis de Potosi, que deveria abrigar a montagem da quarta geração, foi de fato cancelada (leia aqui).

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s