Vendas em julho crescem em relação a 2016, mas acumulado avança menos


As vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil seguem mostrando instabilidade. Em meio à crise financeira e toda a turbulência política, o setor de veículos continua patinando. Em julho, segundo dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o País licenciou 178.847 exemplares nestes dois segmentos. O volume é 2,33% maior que o do mesmo mês de 2016, porém fica 5,48% abaixo do aferido em junho. Assim, o acumulado soma 1.170.308 licenciamentos, com alta de 3,95% sobre os sete primeiros meses do ano passado.

Apesar da alta sobre os resultados do ano passado, o momento é de cautela. Afinal, 2016 foi o pior período desde o recorde histórico de 2012 e teve volumes próximos dos do início da década de 2000. Além disso, junho já havia apresentado uma queda sutil de 0,47% em relação a maio. No mês passado, o acumulado de 2017 indicava um avanço de 4,25% sobre o primeiro semestre do ano anterior. Ao se fecharem os números de julho, a soma baixou para um volume 3,95% superior.

Desse modo, o mercado caminha para um crescimento tímido, embora ainda haja muito a se desenrolar.

Anúncios

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s