Porsche confirma fim do motor a diesel


Agora é oficial: a Porsche desistirá mesmo de oferecer motores a diesel. Após revelar os planos (leia aqui) e cogitar voltar atrás (leia aqui), a marca alemã decidiu deixá-los de lado em definitivo. A lacuna deixada por tal tipo de propulsor, caracterizado pelo alto torque em baixa rotação e a maior frugalidade, será ocupada pelos híbridos.

A possibilidade de deixar os diesel de lado surgiu logo após a eclosão do escândalo Dieselgate, em 2015. Todavia, a empresa ainda precisaria adequar sua gama para poder abandoná-los. “A Porsche não está demonizando o [motor a] diesel, ele continua como uma importante tecnologia de propulsão. Mas para nós, enquanto marca de esportivos, seu papel sempre foi secundário, o que nos levou a concluir que nosso futuro será sem o motor a diesel”, explica o CEO da marca, Oliver Blume. Prova disso seria a queda de 12% na participação de tal tipo de propulsor nas vendas globais da marca em 2017.

Além de rejeitar o diesel para o futuro, Blume também renegou o enfoque da Porsche em motores de tal ciclo. “Nós nunca desenvolvemos ou produzidos propulsores a diesel por nossa conta. Ainda assim, nossa imagem foi arranhada [pelo Dieselgate]”, havia dito o executivo, na semana passada, ao jornal alemão Bild am Sonntag.

A marca não conta com opções a diesel em sua gama desde fevereiro. E, pelo jeito, não oferecerá tal motorização no futuro.

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s