Mercedes promete GLC e GLE ainda em 2019 e GLB em 2020 no Brasil


Mercedes-Benz GLB35 AMG

A Mercedes-Benz prepara uma série de novidades para o mercado brasileiro nos próximos meses. Ainda em 2019, a marca renovará dois SUVs, reestilizando o GLC e apresentando a nova geração do GLE, e trará as versões esportivas 45 AMG de Classe A e CLA no começo de 2020. Já no segundo semestre, é a vez do inédito GLB desembarcar por aqui, inicialmente com sua variação mais nervosa.

Mercedes-Benz GLE

O primeiro a chegar é o GLE, que teve sua segunda geração apresentada há um ano, no Salão de Paris (leia aqui). Ele chega nas próximas semanas e, embora a Mercedes não tenha confirmado a variação importada, deve desembarcar com o motor 3.0 de 367 cv da variação 450. O seis-cilindros é auxiliado por um sistema híbrido leve, com rede de 48 volts e um propulsor elétrico auxiliar. A versão esportiva 53 AMG não está descartada.

Mercedes-Benz GLE

Depois do GLE, é a vez do reestilizado GLC dar o ar da graça. Ele fora renovado no Salão de Genebra, em março (leia aqui), e se alinhou aos demais Mercedes no desenho da carroceria e no interior, com destaque para o sistema de inteligência artificial MBUX, com comandos por voz, e as telas de 10,25 polegadas para ele e o quadro de instrumentos. Por aqui, o SUV deve ser comercializado com o motor 2.0 de 197 cv e o sistema híbrido leve, nas carrocerias tradicional e Coupé. A variação AMG também pode ser importada, como acontecia anteriormente.

Mercedes-Benz GLC

Completando a trinca de SUVs, a Mercedes prepara o desembarque do inédito GLB (leia aqui), que faz a ponte entre o GLA, já em fim de ciclo, e o GLC. Ele chega no segundo semestre, mas deve ser importado, inicialmente, apenas na variação 35 AMG (leia aqui), para não conflitar com o irmão menor e conquistar um público mais ávido por desempenho. Essa versão tem um 2.0 de 306 cv sob o capô, capaz de levar o SUV de zero a 100 km/h em 5,2 segundos.

Mercedes-Benz GLB35 AMG

Antes do GLB, dois modelos preparados pela AMG devem dar o ar da graça também em 2020. São as variações 45 de Classe A e CLA, movidas pelo 2.0 de 421 cv e 54 kgfm. A divisão esportiva da Mercedes garante que ambas aceleram de zero a 100 km/h em quatro segundos, com máxima limitada a 250 km/h.

Mercedes-Benz CLA45 AMG

Publicidade

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s