Na Europa, Renault apresenta terceira geração do utilitário Kangoo


Mais de 13 anos depois da apresentação da segunda geração, a Renault enfim renova por completo o furgão Kangoo na Europa. Diferentemente do modelo produzido na Argentina desde 2018 (leia aqui), que toma por base o Dacia Dokker (leia aqui), o utilitário “surgiu do zero”. Ele foi completamente revisto, mas, por ora, a marca ainda faz mistério quanto a detalhes mecânicos e de equipamentos, além do visual da traseira.

Visualmente, o Kangoo chama atenção pelo desenho moderno, inspirado no conceito homônimo apresentado em 2019 (leia aqui). Há faróis horizontais integrados ao filete cromado da grade e uma dianteira mais corpulenta. Mas o mais interessante é que o utilitário terá duas modelagens, chamadas Kangoo e Express, ambas com variação para cargas (Van) ou passageiros. Além de terem frente própria, eles também terão laterais diferentes: os Express são mais voltados à parte comercial, tendo acesso à traseira facilitado.

Nesse caso, aliás, a Renault destaca uma nova característica do produto: a porta lateral pode ter vão de até 1,42 metro, facilitando a inserção de cargas maiores. A marca afirma ainda que o modelo contará com teto removível, o que permitirá levar objetos mais altos. A carroceria contará ainda com duas variações de comprimento, tendo capacidade de carga entre 3,3 e 4,9 metros cúbicos (m³).

Se há diferenças externas, por dentro Kangoo e Express repetem a receita. Nota-se que o primeiro é mais refinado, com tela da central multimídia em posição alta, abrindo espaço para a alavanca de câmbio. O segundo tem menor área envidraçada e habitáculo com linhas mais simples. Contudo, para melhorar a visibilidade, as versões Van serão equipadas com retrovisor central por câmera.

A oferta dos diferentes modelos, claro, dependerá de cada mercado. E isso também influencia nos equipamentos disponibilizados. Segundo a Renault, as versões mais caras terão assistente de direção com reboque, para evitar o desprendimento da carretinha, e itens como frenagem automática de emergência. A marca confirma ainda motores a gasolina e a diesel, além da variação elétrica, já disponível na geração atual.

A Renault deve detalhar o utilitário nas próximas semanas.

Publicidade

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s