Toyota oficializa SUV elétrico BZ4X


2022 Toyota bZ4X

A Toyota apresentou a versão definitiva do BZ4X, o primeiro carro puramente elétrico de produção em série de sua história. Antecipado em formato conceitual em abril (leia aqui), ele ganha agora contornos finais, detalhes técnicos de suas duas variações e a confirmação de que tem sistema de direção sem conexão física com as rodas e a opção de dispor de painel solar no teto. Ele seja às lojas de Europa, EUA, China e Japão no segundo semestre de 2022.

Visualmente, o BZ4X não muda muito em relação ao protótipo apresentado há sete meses. Ele se familiariza com outros SUVs recentes da Toyota pelo corte das janelas, mas tem personalidade própria: os faróis irregulares são praticamente um “L”, há uma tomada de ar contida no para-choque (algo previsível) e as caixas de roda contam com apliques plásticos que envolvem também os para-lamas frontais e as portas posteriores.

2022 Toyota bZ4X

O interior também se alinha aos demais produtos da marca japonesa, sem recorrer à receita de ousar em excesso. Ali, os destaques são a grande tela no centro do painel e o visor elevado no quadro de instrumentos. Como opção, há um volante ao estilo “aviação”, como o visto nos Tesla (leia aqui). O aro “tradicional” sai de fábrica, controlando um sistema de direção eletrônico, que não tem conexão mecânica com as rodas. A empresa afirma que o conjunto abre mais espaço para o motorista, é mais precisa e não repassa as vibrações – o que pode anestesiar a condução. Segundo a Toyota, o BZ4X é equipado com um pedal parecido com o e-Pedal da Nissan, que faz com que o acelerador atue também como freio, a depender da pressão exercida, para ajudar a gerar energia para as baterias.

2022 Toyota bZ4X

As medidas do BZ4X ainda são desconhecida, mas a marca indica que ele tem entre-eixos 16 centímetros maior que o do RAV4 (portanto, deve medir 2,85 metros) e altura 8,5 cm menor (1,60 m). A plataforma é a e-TNGA, uma arquitetura modular dedicada aos elétricos, que servirá de base para outras criações do Grupo Toyota – e também da parceira Subaru. Ela prevê a instalação da bateria no assoalho, otimizando o espaço e, claro, ajudando a reduzir o centro de gravidade.

 

No SUV, estarão à disposição duas variações. A de tração dianteira dispõe de um único motor, com 204 cv, enquanto a com sistema integral tem um propulsor para cada roda (109 cv), totalizando 218 cv. Segundo a Toyota, a primeira vai de zero a 100 km/h em 8,4 segundos, tempo que cai para 7,7 s na segunda. A bateria tem 71,4 kWh de capacidade e garante autonomia média de 450 km. Com o painel solar no teto, a empresa informa que há um ganho de 1.800 km por ano em rodagem.

O BZ4X é o primeiro de uma série de veículos elétricos que a Toyota lançará até 2025. Seu nome é o primeiro alinhado ao novo “selo” da empresa, chamado Beyond Zero (“além de zero [emissões]”, em alusão às políticas ambientais da montadora). O número 4 indica o porte do modelo, enquanto o X significa se tratar de um SUV.

Ele será produzido em China e Japão.

Publicidade

E VOCÊ, O QUE ACHOU DESTA NOTÍCIA?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s