Por falta de peças, Jaguar Land Rover corta produção até meados de 2023

A situação segue pouco animadora na Jaguar Land Rover nas últimas semanas. Após a renúncia do CEO Thierry Bolloré, de maneira inesperada (leia aqui), a empresa britânica agora precisa tomar uma ação drástica – mas que se tornou comum no mundo pós-pandemia -, cortando sua produção no Reino Unido. O volume fabril será bastante reduzido até meados de 2023, devido à escassez de suprimentos que afeta a indústria global.

Continuar lendo

Publicidade

Chinesa Xiaomi quer vender mais de 10 milhões de elétricos anualmente

Fundador da Xiaomi, Lei Jun tem meta ambiciosa

A gigante de tecnologias Xiaomi tem planos ambiciosos para o mercado de veículos elétricos. Ainda sem anunciar o primeiro modelo, a divisão de automóveis da empresa chinesa, aberta em setembro de 2021, já traçou metas altas em termos comerciais. Em seu perfil no Twitter, o fundador da companhia, Lei Jun, revelou que o objetivo da montadora é negociar cerca de 10 milhões de unidades por ano, quando a gama estiver preenchida e as fábricas atuarem a plenos pulmões.

Continuar lendo

BorgWarner terá fábrica de baterias para veículos elétricos em Piracicaba (SP)

BorgWarner anuncia montagem de pacotes de baterias no Brasil

Uma das maiores fabricantes de componentes veiculares do mundo, a BorgWarner anunciou a construção de uma fábrica de baterias no Brasil. A gigante norte-americana trabalha na abertura de uma unidade em Piracicaba (SP) para produzir módulos de gerenciamento e pacotes de células, para alimentação de motores elétricos que equipam automóveis. As atividades começam já no primeiro semestre de 2023.

Continuar lendo

Russa Moskvich terá carros da JAC

Russia relaunches production of Soviet-era Moskvich in Moscow

O renascimento da marca Moskvich foi confirmado quando a Renault anunciou a venda de suas operações na Rússia (leia aqui), ainda como consequência da guerra iniciada pelo país frente à Ucrânia. Ao negociar a fábrica de Moscou e direitos da gigante AvtoVaz, dona da Lada, com o instituto local Nami, levantou-se a possibilidade de montadora, extinta há duas décadas, voltar à “vida”. Agora, confirma-se o ressurgimento, já com um modelo definitivo, que toma por base um SUV da JAC. O modelo é similar ao crossover vendido no Brasil como e-JS4 (leia aqui).

Continuar lendo

Mazda vende fábrica na Rússia

Employees work on the production line of the CX-5 model car at the Mazda Sollers Manufacturing Rus joint venture plant of Sollers and Japanese Mazda in Vladivostok

Com operações paralisadas na Rússia desde março (leia aqui), devido às sanções impostas ao país após a invasão feita na Ucrânia, a Mazda vai encerrar de vez as atividades por lá – ao menos por enquanto. A empresa japonesa acertou a venda de 50% das ações que detém na montadora local à Sollers, sua parceira desde 2011 (leia aqui) e detentora da outra metade da companhia. Na negociação, está inclusa a fábrica situada em Vladivostok, na região Oeste, perto das fronteiras com China e Coreia do Norte.

Continuar lendo

Vendas: HB20 lidera em outubro e encaminha “bicampeonato” no Brasil

O Hyundai HB20 voltou a liderar as vendas de automóveis no mercado brasileiro, com mais de mil unidades de diferença para o Chevrolet Onix, terceiro em outubro. Deste modo, o coreano abre mais de 10 mil exemplares de distância para o rival, segundo no acumulado, praticamente garantindo o “bicampeonato”. No mês, o segundo posto ficou com o Chevrolet Tracker, que trava duelo com o Volkswagen T-Cross pelo “título” entre SUVs compactos.

Continuar lendo

Vendas: Fiat lidera em outubro; Volkswagen e Chevrolet completam pódio

Em mais um mês, a Fiat não tomou conhecimento das rivais e liderou com sobras o mercado brasileiro de automóveis e comerciais leves. A italiana aumentou sua participação em outubro, em relação a setembro, e chegou a quase 22% de fatia no acumulado de 2022. A segunda colocação segue com a Chevrolet, seguida pela Volkswagen. A Hyundai foi novamente a quarta, abrindo vantagem sobre a quinta Toyota. Em outubro, a Renault apareceu no sexto posto, logo à frente da Jeep, mas as duas invertem posições na soma dos 10 meses deste ano. Honda, Citroën e Nissan fecharam o top 10.

Continuar lendo

Vendas voltam a subir em outubro, em relação a 2021, mas há queda ante setembro

As vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil alcançaram 168.474 unidades ao longo de outubro, o que representa 12,28% de alta frente ao mesmo período do ano passado. Todavia, há uma retração de 6,62% em comparação com setembro, mantendo o comportamento registrado ao longo de 2022. No acumulado de janeiro a outubro, somam-se 1.563.619 emplacamentos, com ligeira queda de 3,47% frente a 2021. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Continuar lendo

Após sair da China, Jeep confirma pedido de concordata em joint-venture local

Após anunciar a saída da China (leia aqui), a Jeep revelou ter dado início a um processo de concordata no gigante asiático. Segundo a Stellantis, que controla a marca, a medida legal envolve toda a joint-venture, o que inclui a parceira local GAC (sigla para Guangzhou Auto Company). A empresa reiterou que não terá mais produção por lá, atuando apenas com veículos importados.

Continuar lendo

Kia também deixa a Rússia

Como outras grandes montadoras, a Kia anunciou que deixará de atuar oficialmente na Rússia. Ainda como reflexo da invasão à Ucrânia, a gigante coreana teme os efeitos em longo prazo que o conflito bélico deve causar no país, haja vista que as primeiras projeções apontavam para seu fim em poucas semanas. Além dela, também já confirmaram a retirada empresas como Renault, Nissan, Volkswagen, Toyota, Mercedes-Benz e Ford.

Continuar lendo

BYD quer fabricar elétricos na Bahia

Ampliando sua atuação no Brasil com lançamentos recentes, a BYD pode iniciar a produção de veículos elétricos no País. Segundo o site Automotive Business, a empresa negocia com o governo da Bahia a viabilização de duas fábrica de veículos e outra de baterias em Camaçari (BA), onde operava a Ford. Na semana passada, as partes assinaram um protocolo de intenções com a promessa dos chineses de investir R$ 3 bilhões no projeto.

Continuar lendo

Mercedes anuncia saída da Rússia

A Mercedes-Benz é a mais recente das montadoras ocidentais a confirmar sua saída da Rússia. Ao apresentar os resultados financeiros da companhia relativos ao terceiro trimestre de 2022, a direção anunciou o plano de deixar o país, ainda como consequência da invasão à Ucrânia, em fevereiro. A operação será vendida a uma empresa russa, o que inclui a fábrica situada nos arredores da capital Moscou, inaugurada em 2019. No entanto, os 15% de participação na companhia de caminhões local Kamaz permanecem sob controle da gigante alemã, mas serão transferidos à divisão Daimler Truck.

Continuar lendo

Stellantis avalia fechar fábricas na China

Tavares – ALL THE CARS

O Grupo Stellantis está estudando a possibilidade de encerrar completamente suas atividades fabris na China, atuando apenas como importadora. Nos bastidores do Salão de Paris, o CEO da gigante, Carlos Tavares, revelou que a direção avalia a medida devido à nova estratégia da companhia em termos globais. Ela já foi colocada em prática com a Jeep, que encerrou a parceria de 12 anos com a local GAC em julho e deixou de montar veículos no gigante asiático (leia aqui).

Continuar lendo

Porsche se torna montadora mais valiosa da Europa após oferta de ações (IPO)

Depois de abrir seu capital e iniciar a oferta pública de ações (IPO), a Porsche se tornou a montadora mais valiosa da Europa. De acordo com a agência Reuters, o valor dos ativos oscilou inicialmente, algo natural neste tipo de operação, mas acabou batendo em € 93 por quota. Como resultado, o montante da marca chegou a € 85 bilhões, fazendo com que ela superasse  a Volkswagen neste quesito, “liderando” as empresas de veículos sediadas na Europa. A terceira posição é ocupada pela Mercedes.

Continuar lendo

Nissan anuncia saída da Rússia

A Nissan anunciou que vai deixar de operar oficialmente na Rússia. Com atividades suspensas desde março, devido à invasão do país presidido por Vladimir Putin ao território da Ucrânia (leia aqui), a empresa havia planejado retomar atividades em setembro, mas acabou estendendo este prazo para o final de 2022. Agora, contudo, ela confirma que não vai mais atuar naquele mercado, já tendo inclusive fechado a venda de sua fábrica e das instalações que formavam a operação local. A concretização do negócio acontece nas próximas semanas.

Continuar lendo

BMW Brasil anuncia nova CEO

Maru Escobedo assumirá o BMW Group no BrasilMaru Escobedo assume comando em 1º de janeiro

A BMW do Brasil vai trocar de comandante. E, pela primeira vez em sua história, o cargo de presidente e CEO da divisão tupiniquim será ocupado por uma mulher. A escolhida é Maru Escobedo, atual dirigente da empresa no México. Ela assume a nova função em 1º de janeiro de 2023, substituindo Aksel Kriger.

Continuar lendo

Vendas: HB20 lidera em setembro; Onix e Onix Plus completam pódio

O Hyundai HB20 voltou à liderança do mercado brasileiro de automóveis, após ficar atrás do Volkswagen Gol por três meses consecutivos. O coreano ficou no topo em setembro, abrindo vantagem sobre os demais rivais na dianteira do acumulado de 2022, caminhando firme em direção ao bicampeonato. A segunda colocação ficou com o Chevrolet Onix, que ocupa o mesmo posto no ano, seguido por seu irmão Onix Plus, em batalha com o Gol pelo terceiro lugar na soma final. Destaque positivo para Chevrolet Tracker, VW Voyage, Honda HR-V e Caoa Chery iCar, além do Hyundai Ioniq, que ainda está em vias de ser lançado.

Continuar lendo

Vendas: Strada lidera em setembro, com Saveiro e Toro no pódio

Mais um mês se passou e a Fiat Strada liderou o segmento de comerciais leves com folga, mais que dobrando as vendas da segunda colocada. A novidade da vez é que a Volkswagen Saveiro apareceu atrás da rival, provavelmente com entregas que estavam atrasadas devido a problemas na produção. O terceiro posto fica com a Fiat Toro, que ocupa a segunda colocação no acumulado. Toyota Hilux e Chevrolet S10 completam o top 5.

Continuar lendo

Vendas: Fiat consolida ponta, com GM e VW no pódio; Hyundai e Toyota fazem duelo

A Fiat segue mantendo, sem dificuldades, a liderança nas vendas de veículos novos no Brasil. Em setembro, não foi diferente, com a italiana agora abrindo mais de 100 mil carros de vantagem sobre a segunda colocada, Chevrolet. Por sua vez, a marca da gravatinha dourada praticamente garante a posição, deixando a Volkswagen com o terceiro posto. Logo atrás, esquenta a briga entre Hyundai e Toyota, com a coreana levando a melhor no mês e, assim, ultrapassando a japonesa no acumulado de 2022. A Renault aparece em sexta em setembro, mas inverte posição com a Jeep no acumulado, ocupando o sétimo lugar. Honda, Nissan e Citroën fecham o top 10 do mês, mas a soma dos nove meses do ano traz Nissan na oitava colocação, seguida por Honda e Peugeot. Entre as premium, a BMW lidera com folga, com a Audi na sequência em setembro.

Continuar lendo

Vendas avançam em relação a 2021 em setembro, embora haja queda ante agosto

As vendas de automóveis e comerciais leves registraram 180.424 unidades ao longo de setembro, segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). De acordo com a entidade, o volume representa queda de 7,12% em relação a agosto, mas tem alta de 26,76% em comparação com o mesmo período de 2021. Deste modo, o acumulado de 2022 volta a se recuperar, alcançando 1.395.158 emplacamentos. Em relação aos três primeiros trimestres do ano passado, há retração de 5,08%, mas o percentual negativo é cada vez menor, confirmando a tendência de “virada” até o fim de dezembro.

Continuar lendo

Geely adquire ações da Aston Martin

https://o.aolcdn.com/images/dims3/GLOB/legacy_thumbnail/1600x900/format/jpg/quality/85/https://s.aolcdn.com/os/ab/_cms/2022/07/19145823/8Aston-Martin-Wings-Logo-Evolution2.jpgA chinesa Geely segue ampliando sua carteira de investimentos pelo mercado automotivo. Desta vez, a gigante asiática confirma a compra de 7,6% das ações da Aston Martin, situação que vem sendo especulada nos bastidores desde o início de 2020 (leia aqui). Não fica clara qual a participação dos orientais na companhia após a aquisição dos ativos, mas é provável que ela seja tão somente uma mantenedora financeira, sem participação direta nas decisões.

Continuar lendo

Honda paralisa fábrica de Itirapina (SP) novamente por falta de semicondutores

A escassez de semicondutores segue impactando na indústria automotiva brasileira, como tem ocorrido no exterior. Desta vez, a afetada é a Honda, que anunciou uma segunda paralisação da fábrica de Itirapina (SP), responsável pela montagem da gama nacional da marca. Com a nova suspensão de operações, a empresa pode atrasar o lançamento do HR-V com motor 1.5 Turbo, originalmente previsto para chegar às lojas em outubro (leia aqui).

Continuar lendo

Fabricantes de pneus paralisam fábricas e comprometem fornecimento na Argentina

A semana começou preocupante para a indústria automotiva argentina. Além das dificuldades em se obter matéria-prima, as fabricantes de pneus lá instaladas sofrem com as greves lideradas pela central sindical Sutna, que reúne os trabalhadores do setor. Deste modo, as três empresas que operam no país vizinho, Bridgestone, Pirelli e Fate, suspenderam as operações. A paralisação deve causar o desabastecimento nas fábricas de veículos e também no mercado de reposição.

Continuar lendo

Argentina terá apenas elétricos até 2050

Volkswagen Caminhões comemora 20 anos com clientes argentinos.

Como têm feito outros países pelo mundo, a Argentina anunciou uma “data limite” para a comercialização de veículos com motor a combustão interna. O “Plano Nacional do Transporte Sustentável”, lançado por lá nesta semana, estipula que apenas carros elétricos possam ser comercializados por lá a partir de 2050. Antes deste prazo, o governo apontou algumas metas a serem cumpridas para “reduzir o impacto ambiental”.

Continuar lendo

Hyundai inicia produção de motores 1.0 turbo e aspirado em Piracicaba (SP)

Passados quase dois meses desde a confirmação do sindicato local (leia aqui), a Hyundai oficializa o início da produção de motores no Brasil – o que era esperado originalmente para março (leia aqui). – nesta terça-feira (20), coincidindo com o dia em que o complexo de Piracicaba (SP) completa 10 anos de operações. A planta passa, agora, a fabricar os propulsores de um litro, aspirado e turbinado, utilizados nas gamas HB20 e Creta. Ela tem capacidade para montar anualmente 70 mil unidades.

Continuar lendo

Xiaomi quer produzir carros com a BAIC

Xiaomi vai estrear na bolsa e pode atingir US$ 100 bilhões em valor de  mercado – Tecnoblog

A gigante dos eletrônicos Xiaomi está mirando o segmento automotivo há algum tempo e os planos podem ser colocados em prática muito em breve. De acordo com informações vindas da China, a empresa negocia com a compatriota Beijing Auto (BAIC), aliada antiga de Hyundai e  Mercedes-Benz, a produção de veículos. A montadora serviria como aliada na nova investida, “emprestando” know-how e tecnologias.

Continuar lendo

Vendas: Gol lidera pelo terceiro mês seguido; HB20 segue no topo do acumulado

O Volkswagen Gol voltou a liderar o mercado automotivo brasileiro, ocupando a primeira posição pelo terceiro mês consecutivo. O veterano ficou à frente em agosto, seguido pelo Hyundai HB20, que segue no topo do acumulado de 2022. A terceira posição ficou com o Chevrolet Onix, que se mantém no segundo posto na soma dos oito meses do ano. O Chevrolet Onix Plus terminou em quarto em agosto, com o Fiat Mobi em quinto.

Continuar lendo

VW normaliza produção em São Bernardo do Campo (SP) e reduz em Taubaté (SP)

A Volkswagen está fazendo ajustes em suas linhas de produção brasileiras outra vez. Para adequar atividades a estoques de peças e veículos, a marca normalizou a operação em São Bernardo do Campo (SP), na unidade Anchieta, onde são feitos Nivus, Polo, Saveiro e Virtus. Já a planta de Taubaté (SP), responsável por Gol e Voyage, terá fechado um dos turnos por pelo menos dois meses.

Continuar lendo

Vendas: Strada mais que triplica vendas da Toro em agosto; Hilux fecha pódio

Realmente, um fenômeno. A segunda geração da Fiat Strada segue registrando números impressionantes, cravando um feito em agosto: ela mais que triplicou o volume de vendas da segunda colocada, sua irmã maior Toro. Além disso, com mais de 14 mil emplacamentos, obteve um dos maiores volumes mensais de um único modelo nos últimos anos. A Toyota Hilux foi a terceira colocada, logo atrás da picape médio-compacta da Fiat.

Continuar lendo

Vendas: Fiat volta a liderar com folga e crava “título” de campeã de 2022

A Fiat fechou mais um mês com folga na liderança do mercado brasileiro, consolidando sua posição no acumulado de 2022. A margem da marca sobre a segunda colocada do ano, Chevrolet, chega a quase 100 mil exemplares, deixando a italiana com o “título de campeã” já praticamente garantido. A Volkswagen foi a segunda em agosto, mas segue em terceira na soma dos dois quadrimestres. Já a briga pela quarta posição segue ferrenha, com a Hyundai levando a melhor no último mês e encostando de vez na Toyota no acumulado, ficando a menos de 300 exemplares de distância.

Continuar lendo

Vendas: Agosto tem alta de 22,5%; acumulado reduz perdas novamente

As vendas de automóveis e comerciais leves registraram alta de 22,5% em agosto, em relação ao mesmo mês do ano passado, contabilizando 194.142 emplacamentos. Em comparação com julho, o avanço é de 14,82%. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), os dois quadrimestres de 2022 somam 1.2114.636 licenciamentos, 8,5% a menos que no mesmo período do ano passado. Contudo, há um bom sinal de reverter o quadro de queda para crescimento até dezembro.

Continuar lendo

Toyota quer produzir van na Argentina

Ganha ainda mais força o projeto da Toyota de produzir um terceiro veículo na fábrica argentina de Zárate. Desde fevereiro de 2021 (leia aqui), circulam rumores de que a marca possa produzir a van Hiace na unidade local. A informação teria partido do Ministro da Produção do país vizinho, Daniel Scioli, que, segundo o jornal Ámbito Financiero, revelou a intenção da empresa em ampliar o volume fabril por lá com a adição de um novo produto às linhas de montagem.

Continuar lendo