Citroën C3 ganha variação elétrica

A Citroën apresentou a variação elétrica do C3, recém-chegado ao Brasil (leia aqui), chamada ë-C3. Projetado para mercados emergentes, o modelo estreia na Índia, onde o hatch a combustão estreou oficialmente. As vendas por lá começam na próxima semana, com entregas iniciando em fevereiro. É possível que ele também seja comercializado por aqui, para enfrentar o Renault Kwid E-Tech (leia aqui).

Continuar lendo

Publicidade

Suzuki oficializa Jimny de cinco portas

 Suzuki Jimny 5-Door Debuts Adding Extra Practicality Into The Mix

Lançada em meados de 2018 (leia aqui), a quarta geração do Jimny enfim ganha uma variação de cinco portas, especulada desde 2020 (leia aqui). Também vista em testes lá fora, a novidade estreia na Índia, sendo uma das estrelas da marca para o Salão de Nova Délhi. Ela está confirmada para chegar também à África e à América Latina, com grandes chances de desembarcar no Brasil, onde é vendido desde o final de 2019 (leia aqui).

Continuar lendo

Rival da Tesla, Zeekr anuncia elétrico 001 com autonomia de mais de 1.000 km

 Updated Zeekr 001 Debuts In China With Up To 641 Miles Of Range

Apresentado ao mundo em 2021, o Zeekr 001, primeiro carro da marca exclusivamente elétrica da Geely, já recebe uma atualização. E ela é bastante significativa para seu segmento: com um novo pacote de baterias, opcional, o modelo pode percorrer mais de 1.000 km com uma única carga, tornando-se o recordista mundial neste quesito. A novidade é uma das atrações do Salão de Guangzhou/Cantão.

Continuar lendo

Na China, Haval apresenta SUV híbrido para jovens; Modelo pode vir ao Brasil

 Haval H-Dog Is A New Plug-In Hybrid SUV For China

A Great Wall vai desembarcar no Brasil com a marca Haval agora em 2023 (leia aqui), com o SUV H6, importado da China. Híbrido (leia aqui), ele será produzido por aqui posteriormente (leia aqui). Porém, a empresa tem planos de expandir a gama em breve e uma das novidades pode ser o H-Dog, apresentado agora no Salão de Guangzhou/Cantão. Projetado para o público jovem – de lá, ao menos – ele tem também opção eletrificada, o o que será mandatório na operação brasileira da montadora asiática (leia aqui).

Continuar lendo

Maruti Suzuki anuncia novo motor para um conhecido furgão na Índia

 Maruti Suzuki Eeco Updated In India With New Engine, Retains Old School DesignCom um visual que remete àqueles furgões antigos vendidos no Brasil, muitos deles de origem chinesa, o “velho” Eeco segue vivo na Índia. Sua fabricante, a Maruti Suzuki, anunciou agora uma novidade para ele, a fim de dar um ar de modernidade e também atender às normas de emissões locais. O utilitário ganha um motor novo, além de trazer novidades para carroceria e interior.

Continuar lendo

Iraniana Saipa revela crossover criado sobre a base de um Kia dos anos 1980

 Saipa Atlas Is A New Iranian Crossover Based On The Very Old 1980’s Kia Pride

Em um mercado limitado pelos constantes entraves diplomáticos em que se envolve seu governo, o Irã acaba “se virando com o que tem” para criar veículos novos para seus habitantes. Novos, ao menos por fora, frise-se. A última novidade da estatal Saipa é o Atlas, um crossover com jeitão moderno que toma por base outro hatch já vendido por lá, chamado Tiba, que já tinha uma variação aventureira batizada de Quick. Ambos usam a mesma base do Kia Pride de 1986, produzido anteriormente pela empresa sob licença.

Continuar lendo

Buick mantém LaCrosse na China

 2024 Buick LaCrosse Sedan Uncovered In China With Bold New Appearance

Os sedãs podem até estar desprestigiados na maior parte dos mercados, inclusive o Brasil, mas essa realidade é diferente na China. Por lá, a Buick prepara o lançamento de uma nova geração do LaCrosse, que surgiu em 2004 nos Estados Unidos para substituir o clássico Regal e saiu de cena por lá no início de 2019. O modelo foi revelado pelo órgão de patentes do gigante asiático, antecipando as formas que serão oficializadas nas próximas semanas.

Continuar lendo

Chinesa Xiaomi quer vender mais de 10 milhões de elétricos anualmente

Fundador da Xiaomi, Lei Jun tem meta ambiciosa

A gigante de tecnologias Xiaomi tem planos ambiciosos para o mercado de veículos elétricos. Ainda sem anunciar o primeiro modelo, a divisão de automóveis da empresa chinesa, aberta em setembro de 2021, já traçou metas altas em termos comerciais. Em seu perfil no Twitter, o fundador da companhia, Lei Jun, revelou que o objetivo da montadora é negociar cerca de 10 milhões de unidades por ano, quando a gama estiver preenchida e as fábricas atuarem a plenos pulmões.

Continuar lendo

Após sair da China, Jeep confirma pedido de concordata em joint-venture local

Após anunciar a saída da China (leia aqui), a Jeep revelou ter dado início a um processo de concordata no gigante asiático. Segundo a Stellantis, que controla a marca, a medida legal envolve toda a joint-venture, o que inclui a parceira local GAC (sigla para Guangzhou Auto Company). A empresa reiterou que não terá mais produção por lá, atuando apenas com veículos importados.

Continuar lendo

F1: Singapura altera traçado para 2023

Aerial view of the Marina Bay Street Circuit.jpg

Os organizadores do Grande Prêmio de Singapura anunciaram uma mudança importante para o circuito a partir da temporada 2023 da Fórmula 1. Confirmando-se os rumores, eles revelaram que um novo traçado será adotado no ano que vem, como forma de tornar a pista mais competitiva e veloz. A mudança reduzirá o número de curvas e criará uma nova reta, trazendo consequências no tempo de volta e também na quantidade total de giros do GP de F1.

Continuar lendo

Hyundai Azera chega à sétima geração

A Hyundai oficializou as linhas da sétima geração do Grandeur, modelo que foi vendido no Brasil como Azera. Nesta linhagem, o sedã evolui significativamente sobre o antecessor, adotando um design que mescla um perfil clássico e contornos exóticos. O interior segue a cartilha de modernidade, aqui remetendo ao modelo anterior. Ele seguirá restrito a alguns mercados, permanecendo indisponível no Brasil.

Continuar lendo

Stellantis avalia fechar fábricas na China

Tavares – ALL THE CARS

O Grupo Stellantis está estudando a possibilidade de encerrar completamente suas atividades fabris na China, atuando apenas como importadora. Nos bastidores do Salão de Paris, o CEO da gigante, Carlos Tavares, revelou que a direção avalia a medida devido à nova estratégia da companhia em termos globais. Ela já foi colocada em prática com a Jeep, que encerrou a parceria de 12 anos com a local GAC em julho e deixou de montar veículos no gigante asiático (leia aqui).

Continuar lendo

Xiaomi quer produzir carros com a BAIC

Xiaomi vai estrear na bolsa e pode atingir US$ 100 bilhões em valor de  mercado – Tecnoblog

A gigante dos eletrônicos Xiaomi está mirando o segmento automotivo há algum tempo e os planos podem ser colocados em prática muito em breve. De acordo com informações vindas da China, a empresa negocia com a compatriota Beijing Auto (BAIC), aliada antiga de Hyundai e  Mercedes-Benz, a produção de veículos. A montadora serviria como aliada na nova investida, “emprestando” know-how e tecnologias.

Continuar lendo

Ford renova Edge na China

Apesar dos fortes rumores indicando seu fim, o Edge ganhou sobrevida nas mãos da Ford. Ao menos na China, é claro, onde um SUV inédito acaba de ser registrado com este nome, sem necessariamente estar confirmado para outras localidades. Por ora, surgiram apenas imagens e informações do órgão de registro do gigante asiático, para fins de homologação do modelo por lá.

Continuar lendo

Hyundai oficializa minivan Stargazer

Hyundai Stargazer 01

A Hyundai segue impressionando na criação de modelos familiares no exterior. Depois da futurista Staria (leia aqui), a marca apresenta agora a Stargazer, uma minivan de sete lugares com design inspirado na irmã maior, destacado pelos faróis baixos e o feixe luminoso em uma porção maior. No interior, um item chama atenção: o quadro de instrumentos digital idêntico ao do HB20 (leia aqui). A novidade estreia na Indonésia para enfrentar modelos como a Suzuki Ertiga.

Continuar lendo

Toyota oficializa novo Yaris “emergente”

Depois de fazer mistério com teasers (leia aqui), a Toyota enfim revela a nova geração do Yaris destinada a mercados emergentes – o europeu tem visual, plataforma e medidas diferentes (leia aqui). Apresentado primeiramente no Sudeste da Ásia, ele estreia na carroceria sedã, lá vendida como Yaris Ativ. Por ora, não há garantia de sua vinda ao Brasil, embora a boa aceitação do modelo atual possa servir de incentivo para a comercialização do “compacto” por aqui.

Continuar lendo

Ford vende fábrica à Tata

Tata acquires Ford Sanand plant

Além de encerrar a produção de veículos, como no Brasil (leia aqui), a Ford tomou medida ainda mais drástica na Índia (leia aqui): deu fim também à operação comercial, não mais negociando automóveis por lá. A marca teve de retomar as atividades para cumprir acordos de exportação (leia aqui), mas logo depois finalizou de vez as operações industriais no país asiático. Agora, a marca confirma a venda da estrutura situada em Sanand, estado de Gujarat, para a empresa local Tata.

Continuar lendo

Toyota adianta nova geração do Yaris

Apesar de ter seu futuro incerto no Brasil, o Yaris continuará firme e forte no Sudeste da Ásia, onde foi projetado para mercados emergentes. Diferentemente do modelo visto na Europa e no Japão (leia aqui), o “nosso” compacto tem variações hatch e sedã, que serão renovadas em breve no outro lado do planeta. Por lá, a Toyota começa a fazer mistério com relação à nova geração da dupla, divulgando os primeiros teasers. O lançamento já tem data para acontecer: 9 de agosto.

Continuar lendo

Audi oficializa Q6 na China

A Audi oficializou as linhas de mais um SUV para sua gama, chamado Q6. Por ora, contudo, ele será limitado à China, ampliando o leque de opções para o maior mercado do mundo. Ele nada tem a ver com o Q6 E-Tron já anunciado pela marca para atuação global (leia aqui), sendo um derivado direto do Volkswagen Teramont, como é vendido o Atlas por lá. A novidade chega com três opções de motorização, tração integral Quattro e uma série chamada Edition One, que ilustra este post.

Continuar lendo

Suzuki Grand Vitara volta à vida

Suzuki Grand Vitara

O Grand Vitara está de volta à vida. A Suzuki oficializou o retorno do modelo, mas não mais com a proposta que tinha até então: ele chega para ocupar uma faixa mais baixa do mercado, tendo porte de Hyundai Creta, por exemplo. Derivado do Toyotar Urban Cruiser Hyryder, o SUV estreia na Índia nas próximas semanas, ocupando o espaço deixado pelo descontinuado S-Cross (leia aqui).

Continuar lendo

Stellantis encerra aliança com GAC e deixa de produzir modelos Jeep na China

A Stellantis anunciou o fim da joint-venture com Guangzhou Automobile Group (GAC), destinada a atuar no mercado chinês. O comunicado pegou de surpresa quem não acompanha tão de perto a operação no gigante asiático, haja vista que as empresas haviam confirmado um aumento de participação societária em janeiro (leia aqui). Este, aliás, poderia ser um dos motivos do desacerto: a GAC alega não ter conhecimento da injeção de capital dos aliados ocidentais antes do anúncio, o que teria gerado atritos internos. Com o divórcio, a produção de veículos da Jeep será interrompida momentaneamente no país.

Continuar lendo

Ford revela nova geração do Everest

Logo após renovar a Ranger (leia aqui), a Ford já tratou de oficializar a nova geração de seu irmão Everest. O SUV chega apenas quatro meses depois da picape – na linhagem anterior, a diferença foi de quatro anos – para enfrentar modelos como Chevrolet Trailblazer, Mitsubishi Pajero Sport e Toyota SW4. A expectativa é que ele seja produzido na Argentina a partir de 2023 (leia aqui), junto da irmã.

Continuar lendo

Irmão do Fusion, Ford Mondeo renasce na China, mas não virá às Américas

Apesar de ter abandonado os sedãs na América do Norte (leia aqui), no Brasil (leia aqui) e na Europa (leia aqui), a Ford segue apostando nesse tipo de carroceria na China. Além de Escort, Focus e Taurus, a gigante do oval azul contará por lá com uma nova geração do Mondeo, gêmeo do Fusion. Desenhado e desenvolvido no gigante asiático, o três-volumes deve ficar restrito àquele mercado, sem muitas chances de desembarcar no Ocidente.

Continuar lendo

China anuncia retirada de incentivos para carros elétricos ao final de 2022

A charging station is seen at a Beijing showroom for Nio Chinese-made electric cars. (Reuters File Photo)Ponto de recarga de elétricos da NIO, na China

Maior mercado automotivo mundial, a China também lidera nas vendas de modelos eletrificados. Muito disso se deve à política de incentivos do governo local, que garante um “bônus” a quem adquirir esse tipo de veículo. Com uma demanda já sólida, a autoridade chinesa aponta que não se faz mais necessário o subsídio concedido. Reduzido gradativamente de 2020 para cá, ele será extinto de vez em 31 de dezembro de 2022.

Continuar lendo

Hyundai fecha divisão de motores a combustão para focar em elétricos

Caminhando para eletrificar seus veículos, como praticamente todas as montadoras de grande volume, a Hyundai decidiu por encerrar os trabalhos da área de motores em seu Centro de Pesquisa & Desenvolvimento, na Coreia do Sul. De acordo com o jornal local The Korea Economic Daily, a companhia destinará recursos e pessoal, até então dedicados àquele fim, a buscar avanços em termos de propulsão elétrica. A decisão, claro, afeta também as marcas Kia e Genesis.

Continuar lendo

Mercedes vende ações da chinesa Denza

Mercedes-Benz-styled Denza X to hit market at Auto Guangzhou - Gasgoo

Criada em 2010 e colocada em atividade dois anos mais tarde (leia aqui), a chinesa Denza perderá um de seus “pais”. A Mercedes-Benz anunciou a venda de 40% das ações da joint-venture para a outra proprietária, BYD, que passa agora a ter 90% de participação na marca. Os alemães mantêm os 10% restantes, afirmando que a medida faz parte de um “processo de reestruturação” da companhia, sem conceder mais detalhes.

Continuar lendo