Renault Duster tira nota zero no Latin NCAP; marca contesta resultado

Renault Duster tira nota zero na avaliação de segurança do Latin NCAP

O Latin NCAP divulgou os primeiros resultados de suas simulações de colisão de 2021 com duas notas zero. Além do Suzuki Swift, indisponível por aqui, a entidade também classificou negativamente a segunda geração do Renault Duster (leia aqui), produzida em São José dos Pinhais (PR). Ela apontou a necessidade de mudanças no projeto, incluindo um recall para sanar uma falha que causou combustível de vazamento após um dos testes de impacto. Em nota, a montadora contestou o resultado, alegando que um produto de características similares foi avaliado em 2019 e teve rendimento melhor (leia aqui).

Continuar lendo

Sob novo protocolo, Ford Ka e Hyundai HB20 zeram notas no Latin NCAP

Após estrear o protocolo mais rigoroso (leia aqui) com o Kia Picanto comercializado no Chile (leia aqui), o Latin NCAP avaliou dois campeões de vendas brasileiros: Hyundai HB20 e Ford Ka. Submetidos a exigências mais restritivas e catalogados sob o novo sistema de notas da entidade, os dois compactos montados no Brasil receberam classificação de zero estrela – de cinco possíveis. O teste leva em consideração as versões de entrada oferecidas no mercado da América Latina, o que pode indicar diferenças na existência ou não de equipamentos nos veículos avaliados em relação aos oferecidos em nosso País.

Continuar lendo

Latin NCAP divulga primeiros resultados com novo protocolo ainda em 2020

O Latin NCAP anunciou que vai apresentar, ainda em 2020, os primeiros resultados de seus testes com o novo protocolo de segurança, apresentado no final do ano passado (leia aqui). Segundo a entidade, os trabalhos em torno da adoção das medidas mais rígidas acabou atrasando devido à pandemia, mas enfim foram implementados. Além dos parâmetros mais rigorosos, também se alterou o formato de avaliação, com uma única nota final. E, segundo o secretário geral da entidade, Alejandro Furas, nenhum dos veículos testados até o momento alcançou as cinco estrelas possíveis de classificação.

Continuar lendo

Hyundai afirma estar investigando diferença em testes do HB20 no Latin NCAP

O rebaixamento da nota de segurança do HB20 no Latin NCAP (leia aqui) está sendo investigado pela Hyundai. A marca se pronunciou oficialmente sobre o assunto, afirmando que está averiguando o que aconteceu para que resultados tão diferentes fossem obtidos pelo mesmo modelo, submetido ao mesmo protocolo da entidade. “A Hyundai está investigando profundamente os testes do Latin NCAP a fim de entender a causa real para resultados tão diferentes entre o recente teste de auditoria e o teste original de setembro de 2019”, pontua a montadora, em nota.

Continuar lendo

Latin NCAP: Normas de segurança evitariam 60 mil mortes anuais em seis países

De acordo com o Latin NCAP, que avalia a segurança ativa e passiva dos veículos comercializados na América Latina, cerca de 60 mil mortes seriam evitadas, anualmente, caso fossem seguidas as normas da Organização das Nações Unidas (ONU). A estimativa considera as frotas de apenas seis países da região: Argentina, Brasil, Mexico, Colômbia, Equador e Uruguai. A entidade aponta que a adoção de seu selo como padrão obrigatório na venda de automóveis do continente auxiliaria a reduzir os óbitos nas estradas locais.

Continuar lendo

Latin NCAP aumenta nota da Ford Ranger e rebaixa do Mitsubishi Eclipse Cross

O Latin NCAP anunciou a atualização das notas de dois modelos já avaliados previamente. No caso da Ford Ranger, testada originalmente em 2016 (leia aqui e aqui), a classificação foi melhorada. Já o Mitsubishi Eclipse Cross, que foi nacionalizado recentemente (leia aqui), houve um rebaixamento na qualificação, em comparação com a obtida pelo SUV no ano passado (leia aqui).

Continuar lendo

Latin NCAP: Corolla tem nota máxima; HB20 tem quatro estrelas e Renault decepciona

O Latin NCAP divulgou resultados de mais uma série de testes de segurança realizados na Alemanha, com veículos comercializados na América Latina. O melhor desempenho da rodada foi do Toyota Corolla, que obteve nota máxima na proteção de adultos e crianças. O Hyundai HB20 veio logo atrás, com quatro e três estrelas, respectivamente, alcançando nota pior que a do rival direto Chevrolet Onix (leia aqui). A grande decepção, porém, veio para os Renault Logan, Sandero e Stepway, que conquistaram só uma estrela em uma primeira avaliação e posteriormente melhoraram a classificação. Todavia, a entidade identificou diferenças entre as unidades produzidas na Colômbia e no Brasil/Argentina, com menor segurança para os veículos feitos no Mercosul. Indisponível por aqui, o sedã Peugeot 301 também foi testado.

Continuar lendo

Latin NCAP detalha novo protocolo, que inclui teste do alce e mudança nas notas

Conforme adiantado em setembro (leia aqui), o Latin NCAP adotará protocolo mais rigoroso em seus testes de segurança a partir de 10 de dezembro. Além de contar com regras mais rígidas para obtenção da nota máxima, o regulamento torna obrigatório o teste do alce, que ficou famoso por “reprovar” modelos como a primeira geração do Mercedes-Benz Classe A e, mais recentemente, a Toyota Hilux. De quebra, a pontuação foi trocada, alinhando-se à adotada na Europa. O novo “sistema” ficará em vigor até 2023.

Continuar lendo

Latin NCAP: Volkswagen Tiguan e Jetta alcançam nota máxima

O Latin NCAP divulgou os resultados de mais uma série de simulações de impacto com veículos comercializados na América Latina. Dos três modelos avaliados, dois alcançaram nota máxima: os Volkswagen Jetta e Tiguan, ambos feitos no México e também disponibilizados no Brasil. O terceiro testado foi o indiano Ford Figo, irmão do Ka, que não obteve quatro estrelas.

Continuar lendo

Latin NCAP promete testes mais rigorosos a partir de dezembro

O Latin NCAP anunciou uma nova mudança em seu protocolo para simulações de impacto e avaliação de segurança dos veículos comercializados na América Latina. Segundo a entidade, ficará mais difícil conquistar a nota máxima de cinco estrelas de proteção para adultos e crianças. Entre as novidades, está a realização do famoso “teste do alce”. As novas regras entram em vigor no dia 10 de dezembro.

Continuar lendo

Latin NCAP: Etios obtém quatro estrelas; Argo/Cronos conquista três

O Latin NCAP divulgou uma nova rodada de resultados de suas simulações de impacto. Testado pela segunda vez – a primeira foi em novembro de 2012 (leia aqui) -, o Toyota Etios/Etios Sedan repetiu a nota passada, de quatro estrelas em proteção para adultos e crianças, mesmo ante um protocolo mais rígido. Já o Fiat Cronos conquistou três para adultos e quatro para passageiros infantis, tendo resultado válido também para o irmão Argo.

Continuar lendo

Latin NCAP: VW T-Cross obtém cinco estrelas; Toyota Yaris alcança quatro

O Latin NCAP submeteu dois modelos de produção nacional às suas simulações de colisão: Toyota Yaris e Volkswagen T-Cross. O primeiro, à venda desde junho passado (leia aqui), recebeu quatro estrelas na proteção para adultos e também na infantil. Já o SUV, que chega às lojas em abril (leia aqui), ganhou nota máxima nos dois quesitos.

Continuar lendo

Latin NCAP testa dois modelos da Seat e um Chevrolet indisponíveis no Brasil

Seat Arona

O Latin NCAP apresentou os resultados de sua última rodada de testes de impacto envolvendo veículos latino-americanos em 2018. Dessa vez, nenhum produto submetido aos ensaios tem relevância ao Brasil: dois são da Seat, ausente do País há 16 anos; enquanto outro é o Chevrolet Aveo, um sedã de acesso produzido na China. Os modelos da marca espanhola obtiveram nota máxima, enquanto o compacto asiático registrou apenas duas estrelas.

Continuar lendo

Latin NCAP: Ford Ka melhora nota para três estrelas após reestilização

O Latin NCAP realizou uma nova rodada de simulações de colisão, dessa vez com dois modelos vendidos no mercado latino-americano. O único comercializado no Brasil é o Ford Ka, que foi avaliado com a carroceria do sedã e incorporando reforços feitos junto com a reestilização da dupla. O compacto melhorou sua nota de proteção, passando de zero para três estrelas (leia aqui), como aconteceu com o rival Chevrolet Onix (leia aqui). O outro veículo testado foi o Hyundai Accent, indisponível por aqui.

Continuar lendo

Fiat Toro alcança quatro estrelas no Latin NCAP; estepe se solta na batida

O Latin NCAP divulgou o resultado de sua segunda avaliação com simulações de acidentes em 2018, após colocar Volkswagen Virtus e Chevrolet Onix à prova (leia aqui). Neste novo ensaio, somente a Fiat Toro, feita exclusivamente no Brasil, foi testada. A entidade concedeu quatro de cinco estrelas possíveis como nota para a proteção de adultos e crianças. Curiosamente, o estepe da picape, posicionado sob a caçamba, se soltou durante a avaliação. Porém, o Latin NCAP não mencionou o ocorrido em seu texto de divulgação, embora o desprendimento da roda auxiliar possa, em tese, atingir outros veículos e pedestres.

Continuar lendo

Latin NCAP confirma quatro estrelas para Nissan Kicks; Murano e Aveo têm reteste

O Latin NCAP confirmou a veracidade das informações vazadas na semana passada (leia aqui), que revelaram a nota de quatro estrelas de segurança para o Nissan Kicks. A entidade anunciou o resultado de sua última série de avaliações, concedendo a mesma nota final para a proteção de adultos e a de crianças. Também foram avaliados Nissan Murano e Chevrolet Aveo, ambos indisponíveis no mercado brasileiro.

Continuar lendo

Renault Kwid recebe três estrelas no teste de colisão da Latin NCAP

Após conceder zero estrela para Chevrolet Onix (leia aqui) e Ford Ka (leia aqui), o Latin NCAP submeteu o Renault Kwid a seus ensaios de impacto. O resultado do subcompacto foi positivo, com a obtenção de três estrelas na classificação final de segurança. A nota era a máxima possível para o hatch, uma vez que a entidade só concede quatro ou cinco estrelas para veículos equipados com controle de estabilidade (ESP).

Continuar lendo

Ford Ka também zera nota no Latin NCAP

Após conceder zero estrela ao Chevrolet Onix (leia aqui) e lançar dúvidas sobre a segurança oferecida pelo líder de vendas do Brasil, o Latin NCAP realizou uma simulação de impacto com o Ford Ka, terceiro colocado em nosso País. O resultado não foi melhor que o do rival. Submetido ao ensaio de colisão, o compacto do oval azul também zerou sua pontuação na proteção para passageiros adultos, com três estrelas para a cobertura infantil, semelhante à do Onix. O resultado é válido também para o sedã Ka+.

Continuar lendo

Latin NCAP dá nota máxima de segurança a Volkswagen Polo e Toyota Corolla

O Latin NCAP divulgou os resultados da mais recente bateria de ensaios de colisão com veículos vendidos na América Latina. A entidade trouxe boas notícias para os consumidores locais: já atendendo ao protocolo atualizado, os modelos avaliados obtiveram nota máxima na proteção para adultos e crianças. Os carros testados foram Toyota Corolla e Volkswagen Polo, recém-lançado no Brasil (leia aqui).

Continuar lendo

Fiat Mobi obtém uma estrela no Latin NCAP; Kia Rio Sedan consegue duas

O Latin NCAP divulgou os resultados de uma nova rodada de avaliações. Para o Brasil, o teste mais significativo foi do nacional Fiat Mobi, que conquistou uma estrela de segurança. Com chegada ao País prevista para 2018, o Kia Rio Sedan obteve duas de cinco possíveis. O outro avaliado foi o utilitário Chevrolet N300, indisponível por aqui, que zerou a pontuação.

Continuar lendo

Renault Captur obtém quatro estrelas no teste de colisão da Latin NCAP

O Latin NCAP anunciou o resultado de seu único ensaio de colisão realizado desta vez. O modelo avaliado foi o Renault Captur produzido em São José dos Pinhais (PR). O crossover não fez feio: em um protocolo mais rígido, que zerou a nota do líder de vendas Chevrolet Onix (leia aqui), ele obteve classificação de quatro entre cinco estrelas possíveis. Na avaliação infantil, o SUV registrou três estrelas.

Continuar lendo

Latin NCAP divulga nova rodada de simulações de colisão nesta quarta (7)

A Latin NCAP confirmou que vai mostrar uma nova série de resultados de testes de impacto nesta quarta-feira (7). A entidade independente, como de praxe, não revelou quais foram os produtos avaliados, nem fez prévias sobre o que podemos esperar. Será o primeiro ensaio desde a polêmica envolvendo o Chevrolet Onix, catalogado com zero estrela após mudança no protocolo do órgão (leia aqui).

Continuar lendo

GM rebate Latin NCAP: “Onix está entre os mais seguros do segmento”

A resposta da General Motors ao resultado do teste de impacto do Chevrolet Onix feito pela Latin NCAP não demorou. Logo que a entidade divulgou a nota zero para o modelo (leia aqui), a montadora divulgou uma nota ressaltando que o compacto “cumpre integralmente todos os requisitos de segurança dos mercados onde é vendido”. No entanto, a GM não contesta diretamente a classificação obtida por seu produto.

Continuar lendo

Latin NCAP reprova Chevrolet Onix, líder de vendas no Brasil, em teste de impacto

A Latin NCAP divulgou os resultados de um novo ensaio de simulações de colisão com uma polêmica. A entidade independente zerou a pontuação do Chevrolet Onix, líder de vendas no Brasil, alegando fraca estrutura contra impacto lateral. O modelo foi um dos primeiros submetidos ao novo protocolo da instituição, que prevê testes de batida contra portas e colunas B. Outro produto avaliado foi o Kia Rio Sedan, indisponível por aqui, que também obteve zero estrelas.

Continuar lendo

Golf brasileiro tem nota máxima em colisão da Latin NCAP

A Latin NCAP divulgou seu primeiro resultado de simulações de colisão de 2017. Dos dois modelos avaliados, o mais importante para o Brasil é o Volkswagen Golf montado em São José dos Pinhais (PR), que obteve nota máxima no ensaio do órgão independente. A mesma qualificação foi obtida pelo outro produto testado, o Seat Ateca, produzido na República Tcheca e indisponível por aqui. A próxima série de colisões terá resultados divulgados em maio.

Continuar lendo

Latin NCAP rebaixa notas dos Nissan March e Versa

A Nissan segue perdendo pontos – literalmente – com a Latin NCAP. A entidade independente rebaixou a nota dos modelos March e Versa por conta das variações mexicanas. Até então, o órgão considerava os resultados dos produtos brasileiros, testados por ela em 2015, considerados mais seguros. Na época dos ensaios, a montadora havia garantido a mesma estrutura entre os veículos de diferentes origens.

Continuar lendo

Indisponível no Brasil, Nissan Murano ganha apenas duas estrelas da Latin NCAP

O Latin NCAP divulgou o último resultado de testes de colisão em 2016. O avaliado final foi o Nissan Murano, fabricado nos Estados Unidos e indisponível no Brasil. Mesmo equipado com controle de estabilidade (ESP) e sete airbags, o crossover teve resultado surpreendentemente negativo: alcançou apenas duas estrelas na proteção para adultos e quatro na infantil.

Continuar lendo

LatinNCAP apresenta batida frontal entre os Nissan Tsuru e Versa

nissan-versa-tsuru-latinncap

A LatinNCAP, junto da GlobalNCAP e do instituto americano IIHS, realizou uma colisão frontal entre dois veículos da Nissan, como comunicado anteriormente (leia aqui). Os envolvidos no ensaio foram o sedã Versa, em variação vendida nos Estados Unidos com seis airbags de série, e o Tsuru, a geração do Sentra lançada em 1991 e ainda comercializada no México. Como era de se esperar, o resultado foi desastroso para o modelo veterano.

Continuar lendo

GlobalNCAP: 40 mil vidas podem ser salvas com regras básicas de segurança

O Programa de avaliação de Carros Novos Global (Global NCAP), que reúne entidades independentes relacionadas à segurança automotiva, e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) divulgaram os resultados de um estudo relacionado aos veículos. O relatório aponta que se fossem adotadas medidas básicas de segurança na América Latina, como as recomendadas pela Organização das Nações Unidas (ONU), cerca de 40 mil mortes poderiam ser evitadas até 2030. Além disso, ao menos outras 400 mil pessoas não teriam sequelas graves decorrentes de acidentes de trânsito.

Continuar lendo

LatinNCAP vai colidir carros mexicano e estadunidense

Quem gosta de ver vídeos de crash tests – como este que vos escreve – já deve ter acompanhando o ensaio que coloca um Chevrolet Malibu 2009 para bater contra um Chevrolet Bel Air 1959, a fim de mostrar o avanço na segurança. O vídeo (você pode vê-lo mais abaixo) também derruba a velha teste de que carros antigos, “com mais lata”, são mais resistentes que os modernos. A LatinNCAP seguirá por este caminho, mas com uma ousadia maior: fará a colisão frontal entre veículos ainda em oferta, em México e Estados Unidos, para mostrar a diferença de resistência de produtos em diferentes mercados.

Continuar lendo

Latin NCAP: Palio supera 208 no impacto lateral

Após realizar o teste de impacto lateral com a segunda geração do Fiat Palio (leia aqui) e rebaixar sua nota, o Latin NCAP comparou os resultados do compacto argentino com o de um rival mais recente, o Peugeot 208, o primeiro a passar por este tipo de ensaio na região. Com o novo protocolo, em vigor a partir deste ano, o hatch da marca italiana obteve notas piores que o do rival produzido em Porto Real (RJ). No entanto, na simulação lateral, ele superou o produto da marca dos felinos.

Continuar lendo

LatinNCAP reduz nota do Fiat Palio II

A LatinNCAP divulgou uma nova rodada de testes de impacto. Dos dois modelos avaliados, apenas um interessa ao Brasil: o Fiat Palio de segunda geração. A entidade aplicou seus novos protocolos no compacto, feito na Argentina, e reduziu sua nota em relação ao obtido anteriormente. O hatch agora tem apenas uma estrela na proteção para adultos, de cinco possíveis. O outro testado, o chinês BYD F0, zerou a pontuação.

Continuar lendo

Peugeot 208 tem nota reduzida no Latin NCAP; Kia Picanto ganha zero

A Latin NCAP divulgou os resultados de sua última rodada de testes de impacto. Os dois veículos avaliados apresentaram resultados negativos, embora de certa forma “justificáveis”. O brasileiro Peugeot 208 perdeu estrelas na nota final devido ao aumento no rigor dos padrões da entidade para obtenção de nota máxima. Já o coreano Kia Picanto “zerou” a pontuação por ter uma versão testada sem airbags, indisponível no Brasil. A ausência das bolsas infláveis automaticamente impossibilita um carro testado pela Latin NCAP a obter sequer uma estrela.

Continuar lendo

Morre Carlos Macaya, criador da Latin NCAP

Se hoje a Latin NCAP expõe a segurança (ou falta dela) nos veículos vendidos para o mercado latino-americano, muito se deve a Carlos Macaya. O empresário costa-riquenho, responsável direto pela criação da entidade ligada à Global NCAP, sempre questionou as diferenças na estrutura dos carros comercializados em nossa região em relação aos europeus, por exemplo. E foi sua iniciativa a de colocar à prova os automóveis locais. Infelizmente, porém, não são boas as notícias a respeito do executivo, que faleceu nesta semana.

Continuar lendo

Ford Ranger obtém três estrelas no LatinNCAP

A Latin NCAP divulgou hoje (15) os resultados de uma nova rodada de testes, porém com a avaliação de apenas dois produtos. O único comercializado no Brasil é a Ford Ranger, que passou por simulação de impacto com a reestilização aplicada recentemente. A picape, feita na Argentina, obteve somente três estrelas de cinco possíveis em sua classificação. O outro testado foi o Chevrolet Sail, feito na Colômbia, que zerou a pontuação.

Continuar lendo

LatinNCAP concede nota máxima ao Toyota SW4

A LatinNCAP divulgou o resultado de um simulação de colisão com o SW4, lançado recentemente no Mercosul. Segundo a entidade, o SUV feito na Argentina passou pelo que chamam de “teste de auditoria”, para verificar se oferece o mesmo nível de segurança da Hilux, modelo do qual deriva. A nota obtida por ele foi a máxima, de cinco estrelas para adultos e crianças, semelhante à da picape.

Continuar lendo

CEO da GM defende carros sem airbags na América Latina

A CEO da General Motors, Mary Barra, deu uma declaração bastante polêmica durante o Fórum Econômico Mundial, realizado em Davos, na Suíça. Questionada pelo jornalista David Sirota, do site International Business Times, a respeito da carta aberta da entidade independente Latin NCAP, que solicitava à GM o fim das vendas de carros sem airbags na América Latina, a executiva deu uma resposta inesperada para os tempos atuais. Segundo ela, as bolsas infláveis são “uma decisão do consumidor”, sinalizando que não deveria haver obrigatoriedade para o equipamento, como acontece em Brasil e Argentina, ou pressão para que ele seja um item padrão.

Continuar lendo