Argentina terá apenas elétricos até 2050

Volkswagen Caminhões comemora 20 anos com clientes argentinos.

Como têm feito outros países pelo mundo, a Argentina anunciou uma “data limite” para a comercialização de veículos com motor a combustão interna. O “Plano Nacional do Transporte Sustentável”, lançado por lá nesta semana, estipula que apenas carros elétricos possam ser comercializados por lá a partir de 2050. Antes deste prazo, o governo apontou algumas metas a serem cumpridas para “reduzir o impacto ambiental”.

Continuar lendo

Publicidade

Alemanha rejeita banir carros com motores a combustão a partir de 2035

A proibição total dos carros a combustão interna parece perder força, aos poucos, em alguns cantos do planeta. Depois da Itália, é a vez da Alemanha rejeitar o banimento integral dos propulsores a gasolina e a diesel, como a Comissão Europeia propõe, a partir de 2035. A tendência é que o país estenda o prazo de existência desse tipo de veículo, devido principalmente às dificuldades de se alcançarem as metas impostas até então.

Continuar lendo

Noruega fecha 2021 com elétricos representando 65% das vendas de novos

Tesla e Model 3 lideraram o mercado noruguês

Os carros elétricos vêm ganhando cada vez mais espaço na Noruega. Com forte incentivo estatal na compra de modelos com esse tipo de propulsão e uma extensa infraestrutura de recarga, o país os têm como preferidos da maioria. Em 2021, os “zero emissões” representaram 65% dos emplacamentos totais, um avanço sobre os 54% de 2020 (leia aqui). Em alguns períodos, a fatia chegou a 78% (leia aqui). Acredita-se que o país conseguirá superar “tranquilamente” a participação de 80% em 2022.

Continuar lendo

Reino Unido aumenta percentual de etanol na gasolina vendida em postos

E10 petrol has been introduced in petrol stations across the UK.[Foto: EuroNews.com]

O Reino Unido passou a adotar a gasolina E10 em seus postos de combustíveis, composta em 10% por etanol. A medida começou a valer agora em setembro, dobrando a quantidade do álcool dentro do mix. De acordo com o governo, a mudança na mistura deve reduzir em 2% as emissões de dióxido de carbono (CO2) da frota circulante a cada ano. Apesar de parecer pouco, seria o mesmo que tirar das ruas o equivalente a 350 mil veículos.

Continuar lendo

União Europeia oficializa proposta de banir carros a combustão a partir de 2035

5 traffic jam 0

Confirmando os rumores (leia aqui), a União Europeia apresentou oficialmente uma proposta para banir a comercialização de veículos com motor a combustão a partir de 2035. O projeto partiu da Comissão Europeia, com o objetivo de acelerar a transição para veículos elétricos, a fim de tornar a região isenta de carbono até 2050. A novidade da vez é que, além de impor uma data limite para a comercialização desse tipo de modelo, também são impostas metas de redução de emissões de dióxido de carbono (CO2) ainda mais rígidas que as previstas até então. Antes da publicação oficial, França (leia aqui) e Alemanha (leia aqui) se mostraram reticentes quanto aos prazos previstos.

Continuar lendo

Como a França, Alemanha alerta prazo estrito para fim de carros a combustão

Os planos da União Europeia de proibir a venda de veículos a combustão a partir de 2035 (leia aqui) vêm rendendo assunto. Depois da França (leia aqui), foi a vez da Alemanha destacar que o prazo pode ser muito rigoroso para que a indústria automotiva consiga atendê-los sem grande impacto. Para representantes do governo germânico, o processo seria mais rápido do que muitos envolvidos no setor estavam preparados.

Continuar lendo

França contraria União Europeia e apoia prazo extra para fim do carro a combustão

O aguardado anúncio da União Europeia, banindo carros a combustão a partir de 2035 (leia aqui), enfrenta resistência interna. De acordo com a agência Bloomberg, o governo da França está pressionando as demais lideranças do bloco econômico para que o prazo final para esse tipo de propulsão seja um pouco mais elástico. O país defende que a proibição aconteça apenas a partir do final da década – ou seja, 2040, como sua legislação interna prevê (leia aqui) – e que haja uma tolerância um pouco maior com os híbridos plug-in.

Continuar lendo

Volkswagen terá centro para desenvolver tecnologias de biocombustíveis no Brasil

A Volkswagen anunciou a criação de um centro de pesquisa e desenvolvimento (P&D) para tecnologias baseadas em etanol e biocombustíveis. A nova área será estruturada no Brasil, que tem a missão de liderar processos para aplicação de soluções de energia limpa em países emergentes. Além do álcool, aqui extraído da cana de açúcar, a marca pretende explorar sua integração com sistemas híbridos.

Continuar lendo

Chile iniciará produção de combustível sintético; projeto tem parceria da Porsche

O Chile deu um novo passo em direção à viabilização dos combustíveis sintéticos. Uma das maiores apoiadas do projeto, a Porsche já anunciou testes no território andino (leia aqui) e confirmou o uso do produto em suas categorias de automobilismo (leia aqui). Agora, as empresas Haru Oni e MAN Energy Solutions revelam que pretendem fabricar o líquido no sul daquele país em 2022.

Continuar lendo

Canadá anuncia fim das vendas de carros a combustão para 2035

7 Melhores Cidades do Canadá para viver e fazer Intercâmbio (2019)Vista aérea de Vancouver, província de British Columbia

A reunião do G7, aparentemente, começa a ter efeitos em seus representantes. Após acordos relativos à redução de emissões, tratados junto à cúpula de sete das principais economias do mundo (leia aqui), o Canadá anunciou que não permitirá a venda de veículos com motor a combustão a partir de 2035. O ano tem sido colocado como data-limite para a comercialização dos modelos tradicionais em vários países e tende a ser também adotado na União Europeia (leia aqui).

Continuar lendo

União Europeia deve impor 2035 como ano limite para venda de carros a combustão

A União Europeia deverá seguir suas principais economias e determinar a proibição da venda de veículos com motor a combustão entre seus estados-membros. Segundo o site Automobile Prope, o bloco econômico seguirá nações como Reino Unido e Alemanha, banindo a comercialização de automóveis e utilitários com propulsão a diesel e a gasolina a partir de 2035. O decreto que formaliza o procedimento ainda está sendo moldado e deve ser anunciado oficialmente no dia 14 de julho, em Bruxelas, Bélgica.

Continuar lendo

Índia pode anunciar obrigatoriedade de motores flex nos próximos dias

Government to take a call on flex fuel engines in the next 8-10 daysGadkar (esq.): fã confesso da tecnologia brasileira (dir.)

Os motores flex, amplamente populares no Brasil, podem se tornar obrigatórios na Índia. Após expressar interesse em sua utilização em massa por lá (leia aqui), o ministro dos Transportes local, Nitin Gadkari, revela haver um movimento para que os propulsores com tecnologia bicombustível se tornem o padrão das montadoras locais. “Vamos tomar a decisão em cerca de 10 dias e tornaremos isso [os motores flex] mandatário na indústria automotiva”, confirma o ministro.

Continuar lendo

Novo plano de emissões da Europa pode “banir” motores a combustão em 2026

A maior parte dos mercados europeu já decidiu impor uma “data final” para a comercialização dos carros com motor a combustão, variando entre 2030 e 2040, principalmente. No entanto, a proibição pode acontecer ainda antes, em 2026. É o que indica a Associação dos Construtores Europeus de Automóveis (Acea), tomando por base os futuros limites a serem impostos pelo programa Euro 7, que entra em vigor em 2025.

Continuar lendo

Sueca Neste testará combustível que promete redução de até 90% das emissões

Sweden proposing ambitious aviation GHG emission reduction targets |  Bioenergy International

A empresa sueca Neste, que produz combustível de aviação renovável, anunciou ter entrado na fase final de desenvolvimento de um inédito combustível para veículos. Segundo a empresa, agora será avaliada a viabilidade comercial do produto, que pode substituir, no futuro, a gasolina tradicional. O líquido seria fundamental para abastecer os modelos a combustão e híbridos remanescentes, que seguirão em circulação após a proibição de suas vendas. Não fica claro, porém, se a tecnologia se enquadrada como o “e-fuel” que vem sendo testado principalmente pela Porsche (leia aqui) e pela aliada Bentley (leia aqui).

Continuar lendo

Pirelli anuncia primeiro pneu sustentável do mundo; item será usado por BMW X5

Pirelli claims world first with 'FSC-certified' sustainable tire

A Pirelli anunciou o lançamento do primeiro pneu certificado ambientalmente no mundo. Com o selo do Conselho de Manejo Ambiental (FSC), sediado na Alemanha, a empresa italiana colocará no mercado uma nova série de modelos P Zero ecologicamente corretos. Eles estrearão no BMW X5 xDrive45e, a versão híbrida plug-in do SUV alemão, feito nos EUA. Os pneus também serão fabricados na terra do Tio Sam.

Continuar lendo

Honda deixará motores a combustão em 2040 para ser “carbono zero” até 2050

Honda E (elétrico)

A Honda anunciou o fim de seus modelos com propulsão a combustão interna para 2040. Nesse ano, a marca terá apenas veículos elétricos em sua gama, como parte do plano de se tornar uma companhia “carbono zero”. Isso deve ocorrer até 2050, quando todos os procedimentos essenciais para sua atuação passem a não gerar mais impacto direto no meio ambiente, tendo ações para “compensar” a operação poluente.

Continuar lendo

Agora parceira da Porsche, Bentley usará combustível sintético em Pikes Peak

Após apoiar publicamente a iniciativa da Porsche (leia aqui), a Bentley decidiu auxiliar no desenvolvimento de combustíveis sintéticos, como vem sendo feito pela prima alemã. A marca inglesa participará da tradicional subida de Pikes Peak, nos Estados Unidos, com um exemplar do Continental GT3 apto a queimar esse tipo de produto. A disputa servirá como parte do laboratório de testes dos germânicos, que já usarão e-fuels em sua categoria monomarca (leia aqui) e conduzem testes em vias públicas no Chile (leia aqui).

Continuar lendo

Índia quer motores flex, como os do Brasil, antes de apostar na eletrificação

Pioneiro, Gol Total Flex surgiu há quase 20 anos

Apesar de países da Europa já terem data-limite para a comercialização de veículos com motores a combustão, em favor de elétricos, essa realidade está um pouco distante de outras grandes nações não tão desenvolvidas mundo afora. Uma delas é a Índia. Durante um evento da edição local da revista Autocar, o Ministro dos Transportes Rodoviários, Nitin Gadkari, revelou que o país pretende primeiro explorar outras alternativas mais limpas, como a tecnologia bicombustível, que permite a queima de etanol. Ele citou inclusive o Brasil como exemplo de domínio do sistema flex.

Continuar lendo

Porsche anuncia início de testes com combustível sintético no automobilismo

Depois de iniciar ensaios de rua com combustível sintético no Chile (leia aqui), a Porsche agora vai testar a tecnologia também nas pistas. A empresa anunciou que o e-fuels será padrão para sua categoria Mobil 1 Supercup, durante as temporadas 2021 e 2022, a fim de aferir o comportamento e a viabilidade do líquido em competições. O material será fornecido pela ExxonMobil.

Continuar lendo

Combustível sintético fará carro “comum” ser limpo como elétrico, diz Porsche

Após anunciar o programa de testes com combustíveis sintéticos (e-fuels) no Chile (leia aqui), a Porsche fez os primeiros prognósticos oficiais acerca do projeto. Para a empresa, o avanço pode significar a sobrevida dos motores a combustão interna (ICE), fazendo com que seu impacto ambiental seja o mesmo de carros com propulsores elétricos. Segundo informa a revista inglesa Evo, ela não está sozinha: rivais como Aston Martin, Audi, BMW e McLaren também apostam nestes compostos, realizando testes parecidos há algum tempo.

Continuar lendo

Fabricante de caminhões da Europa querem abandonar motor a combustão até 2040

A caça aos motores a combustão na Europa chegou aos veículos pesados, após a possível proibição para carros em 2035 (leia aqui). Nessa terça-feira (15), fabricantes afiliadas à Associação de Construtores Europeus de Automóveis (Acea) publicaram um documento em que apontam que deixarão de usar tais propulsores, majoritariamente do tipo Diesel, até 2040. A declaração tem base nos dados colhidos por pesquisadores do Instituto Potsdam para Pesquisa de Impacto Climático (PIK), da Alemanha, que também assinam a nota oficial.

Continuar lendo

Estado da Califórnia proíbe venda de carros a combustão a partir de 2035

Estado com as políticas ambientais mais drásticas dos Estados Unidos, a Califórnia anuncia agora mais uma medida em favor da redução de emissões. O governador Gavin Newson assinou um decreto que determina uma data limite à comercialização de veículos movidos por motores a combustão, alimentados por diesel ou gasolina, no território californiano. Com a medida, tais modelos só poderão ser vendidos por lá até 2035.

Continuar lendo

Anfavea pede adiamento de prazo dos novos planos de emissões do Proconve

A Associação Nacional das Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) confirmou os rumores de que pediu um prazo extra ao governo para adequação às novas normas de emissões do Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores (Proconve). Os limites mais restritivos para veículos leves (L7) e pesados (P8) estão previstos para entregar em vigor em 2022. A entidade, que representa a maioria das montadoras nacionais, solicitaram uma extensão de dois a três anos para que os novos volumes sejam impostos.

Continuar lendo

Alemanha obrigará postos de combustível a oferecer ponto de recarga de elétricos

A Alemanha vai obrigar postos de combustível a ter ao menos um ponto de recarga para carros elétricos, como forma de incentivo à compra desse tipo de veículo. A medida faz parte de um plano de incentivo pós-pandemia à economia local, estimado em € 130 bilhões (R$ 722,88 bilhões), que inclui o ramo automobilístico, em especial para produção e venda ecologicamente corretos. Com essa ação, o governo prevê que o país passe das atuais 28 mil estações de carregamento para mais de um milhão em 2030.

Continuar lendo

Bentley Bentayga V8 é mais econômico na estrada que variação híbrida

Bentley Bentayga Hybrid

É sabido que alguns modelos híbridos são mais econômicos circulando por perímetros urbanos do que rodoviários. No entanto, o Bentley Bentayga tem uma característica um tanto diferente, invertendo esse papel. Além disso, como aponta o site Green Car Reports, especializado em ecologicamente corretos, a variação eletrificada do SUV de luxo “bebe” mais do que o modelo com motor V8 ao rodar por autoestradas. Os dados da reportagem são os de homologação do produto, registrados na Agência de Proteção Ambiental (EPA), dos Estados Unidos.

Continuar lendo

Reino Unido pode antecipar proibição de carros a combustão para 2035

Depois de anunciar o fim dos carros a combustão em seu território para 2040 (leia aqui), o Reino Unido parece ter ainda mais pressa para encerrar a comercialização de veículos com esse tipo de propulsor. Uma proposta do primeiro-ministro Boris Johnson prevê que o banimento dos veículos com motor por explosão interna já para 2035. Nem mesmo os híbridos escapariam da proibição.

Continuar lendo

Prefeitura de Roma proíbe circulação de carros a diesel na área central

A prefeitura de Roma anunciou a suspensão da circulação de carros a diesel na última terça-feira (14). Ao longo de algumas horas do dia, veículos com esse tipo de propulsor foram impedidos de circular pela região central da cidade. A medida foi tomada, segundo as autoridades da capital italiana, para reduzir o nível de poluição atmosférica na região.

Continuar lendo

Pneu conceitual da Continental realiza calibragem automaticamente

De tempos em tempos, as fabricantes de pneus desenvolvem soluções futuristas dos componentes que, há um bom tempo, não apresentam o mesmo grau evolutivo de outras peças usadas em veículos. No caso da alemã Continental, a novidade é um equipamento que se calibra automaticamente. Batizado Care – que significa “importar-se/cuidar em inglês, mas também é a sigla das palavras “conectado, autônomo, confiável e eletrificado” -, ele é descrito como um produto que será oferecido no mercado daqui algum tempo, embora a empresa não precise datas.

Continuar lendo

Honda encerrará oferta de modelos a diesel na Europa até 2021

Depois de apresentar o pequeno elétrico E (leia aqui), a Honda toma outra decisão “ecologicamente correta”: a japonesa decidiu encerrar a oferta de modelos movidos a diesel na Europa. Segundo a agência Reuters, o plano será colocado em prática em 2021, quando esse tipo de propulsão não fará mais parte de sua gama. A medida foi baseada nas leis de emissões cada vez mais restritivas do Velho Continente.

Continuar lendo

Elétricos já são maioria na Noruega; eles representaram 58% das vendas em março

Estacionamento público em Oslo, capital da Noruega

Grande exportadora de petróleo, a Noruega segue caminhando para dar fim aos carros a combustão em seu território. O país já anunciou que pretende proibir suas vendas em 2025 e bani-los de circulação até 2050 (leia aqui) e oferece incentivos para compra e manutenção de elétricos. A política tem dado resultados: os ecologicamente corretos representaram 58,4% dos emplacamentos da nação nórdica em março, um recorde global. E a tendência é que essa fatia aumente nos próximos meses.

Continuar lendo

Justiça dos EUA acata reclamação e abre investigação em carros da Mercedes

Depois do escândalo Dieselgate envolvendo veículos do Grupo Volkswagen, outras empresas passaram a ser observadas sob suspeita de também utilizar softwares para mascarar as reais emissões de seus motores a diesel. Uma delas é a Mercedes-Benz, que será investigada pelos Estados Unidos após um processo movido por seus clientes em 2016 (leia aqui). A Justiça Federal de lá acatou o pedido dos consumidores e determinou que haja uma inspeção minuciosa para verificar se houve ou não fraude na legislação ambiental local.

Continuar lendo

Conama aprova novos limites de emissões de veículos a diesel para 2022

O Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) aprovou as regras para a nova fase da legislação relativa às emissões de poluentes por motores a diesel. Após quase sete anos de indefinição, o Programa de Controle de Emissões Veiculares (Proconve) chega à norma P8, equivalente à Euro 6. A resolução nº 490 do Conama foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) na semana passada e prevê novos limites a partir de 2022.

Continuar lendo

Espanha estuda seguir vizinhos e banir carros a combustão em 2040

O carro com motor a diesel não foi a única vítima de ecologistas após o escândalo Dieselgate: a agenda ambiental aponta, desde então, contra todos os veículos com propulsor por combustão interna. Não por acaso, países como França (leia aqui) e Reino Unido (leia aqui) já os baniram e vários outros (leia aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui) já seguiram a tendência, incluindo o Brasil (leia aqui e aqui). Agora é a vez da Espanha sinalizar para o fim do comércio de tais automóveis e utilitários, impondo, como outros, o ano de 2040 como data-limite para suas vendas.

Continuar lendo

PL que prevê o fim de motores a combustão avança no Senado

(Foto: ig.com.br)

O Senado já vinha discutindo o Projeto de Lei 304/2017, de autoria de Ciro Nogueira (PP/PI), que propõe de banir a comercialização de veículos com motores a combustão alimentados por derivados fósseis (leia aqui). Agora, a Casa Alta do parlamento brasileiro aprova o PLS 454/2017, criado por Telmário Mota (PTB/RR), após sua passagem pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). O PL em questão dá prazos para a proibição de veículos com propulsores a gasolina ou diesel. Ele segue para a Comissão de Meio Ambiente (CMA) em caráter conclusivo, para então ser despachado à Câmara dos Deputados.

Continuar lendo

Europa aprova corte de 40% nas emissões de veículos até 2030

O Parlamento Europeu aprovou uma nova meta de redução de emissões de poluentes para automóveis no Velho Continente. Na última quarta-feira (3), os congressistas concordaram o corte de 40% nos níveis de materiais nocivos permitidos na queima dos combustíveis por veículos de passeio, em relação ao limite previsto para 2021. O novo número deve ser atingido por todos até 2030.

Continuar lendo

Caminhões e Ônibus também terão metas de eficiência energética no Rota 2030

Ainda em fase de discussão das regulamentações (leia aqui), o regime automotivo brasileiro Rota 2030, assinado pelo Presidente da República Michel Temer (leia aqui), deve também determinar metas para ampliar a eficiência energética de ônibus e caminhões. Muitas vezes “esquecidos” quando se fala de poluição atmosférica, eles foram lembrados por um dos grupos de discussão das normas do programa. A intenção é criar maneiras eficientes de fiscalizar suas emissões e seu aproveitamento de combustível. A informação é do site Automotive Business.

Continuar lendo

Nissan se alia à UFSC para buscar descarte para as baterias do elétrico Leaf

Primeira geração do Nissan Leaf

O lançamento do elétrico Leaf no Brasil está confirmado para 2019 (leia aqui). Mas a chegada do modelo não é a única novidade que a Nissan promete em termos ambientais. A montadora japonesa pretende encontrar soluções para a reutilização e o descarte das baterias utilizadas em carros movidos por eletricidade. Para tanto, aliou-se à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O acordo entre a empresa e a instituição de ensino foi formalizado na sede do laboratório Fotovoltaica e do Centro de Pesquisa e Capacitação em Energia Solar da UFSC.

Continuar lendo

Volvo quer 25% de plásticos reciclados em seus carros até 2025

Conhecida mundialmente por sua preocupação com a segurança veicular, a Volvo mira agora em outro âmbito: o ecologicamente correto. Após reduzir a oferta de motores a diesel (leia aqui), anunciar a eletrificação de sua gama até 2019 (leia aqui) e garantir o fim das pesquisas para propulsores a combustão (leia aqui), a marca almeja aumentar o uso de plástico reciclado em seus veículos. Até 2025, pelo menos 25% do material aplicado nos carros devem ser reaproveitados.

Continuar lendo