Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (13/22)

https://www.formula1.com/content/dam/fom-website/sutton/2022/Hungary/Sunday/1411994398.jpg.transform/6col-retina/image.jpg

A vitória de Verstappen e o quinto lugar de Perez fizeram a Red Bull sair da Hungria com o maior número de pontos, 35, ampliando ainda mais a distância para a Ferrari, que somou apenas 20. A diferença entre elas passou de 82 para 97, dando aos austríacos duas etapas com pontuação máxima de folga. A nove corridas do fim do campeonato, a situação parece bastante confortável para os touros vermelhos. Já para os italianos, começa a ficar preocupante até mesmo a “garantia” da segunda posição: ao somar 34 na Hungria, a Mercedes diminuiu a diferença de 44 para 30. Com rendimento em alta e histórico de alta confiabilidade – o único abandono, de Russell, foi por acidente na largada do GP da Inglaterra -, os alemães entram forte na briga pelo segundo posto. A Alpine segue como “melhor do resto”, mantendo a distância para a McLaren em quatro pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (12/22)

1410640812

O resultado GP da França até poderia ser melhor para a Red Bull, mas foi melhor do que o imaginado, com a vitória de Max Verstappen e o quarto lugar de Sergio Perez. A equipe voltou pra casa com 47 pontos, sendo a melhor da prova neste quesito, seguida por Mercedes (33), Alpine (12) e Ferrari (11). Dessa forma, ampliou a vantagem no Mundial de Construtores da Fórmula 1 2022, passando de 56 para 82 pontos. A margem, claro, pode ser tirada até o fim da temporada, mas traz conforto aos austríacos após mais da metade do campeonato ter sido disputada. Os italianos viram ainda a diferença para a Mercedes cair de 66 para 44. Logo atrás, o bom rendimento fez a Alpine ultrapassar a McLaren e assumir a quarta colocação.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (11/22)

Imagem

Com os resultados do GP da Áustria (leia aqui), a Ferrari voltou a diminuir a diferença para a líder Red Bull. Com a vitória de Charles Leclerc, o segundo lugar de Max Verstappen e os abandonos de Carlos Sainz e Sergio Perez, os italianos acabaram colhendo mais pontos, baixando a margem de 63 para 56 pontos. Terceira, a Mercedes teve bom desempenho no domingo, mas pontuou menos na Sprint, o que fez a distância para os italianos subir de 61 para 66. Na quarta posição, McLaren e Alpine aparecem empatadas, com os ingleses em vantagem pelos resultados individuais (um terceiro lugar de Lando Norris na Emilia-Romagna). A Haas pulou para sétima, ultrapassando a AlphaTauri e se aproximando a Alfa Romeo. As duas italianas não pontuaram no último fim de semana.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (10/22)

O resultado do GP da Inglaterra foi positivo para a Ferrari, que saiu como maior pontuadora da etapa britânica. Além de vencer com Carlos Sainz, a escuderia conquistou o quarto posto com Charles Leclerc, diminuindo a vantagem da Red Bull de 76 para 63 pontos. Os austríacos conseguiram minimizar os impactos, com o segundo posto de Sergio Perez, que precisou trocar o bico do carro ainda no início da prova, e Max Verstappen, que sofreu com danos no assoalho desde a volta 13. A Mercedes conquistou pontos importantes, com o terceiro lugar de Lewis Hamilton, mas George Russell interrompeu a série de terminar todas as provas entre os cinco primeiros ao colidir na largada. Já a briga pelo título simbólico de “melhor do resto” esquentou de vez: a McLaren viu a margem sobre a Alpine cair de oito para seis pontos. Por fim, a Haas voltou a superar a Aston Martin, tomando o oitavo posto.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (09/22)

Apesar da vitória de Max Verstappen, o GP do Canadá serviu para a Ferrari diminuir a vantagem da Red Bull na liderança. A diferença entre as equipes caiu de 80 para 76 pontos, devido principalmente ao abandono de Sergio Perez, por problemas no câmbio. A Mercedes também teve bom rendimento, sendo a segunda que mais pontuou em Montreal (25), atrás apenas da Ferrari (29). Na briga pelo título simbólico de “melhor do resto”, a McLaren segue na quarta posição, mas vê a Alpine diminuir a diferença entre elas de 18 para oito pontos, enquanto a Alfa Romeo baixou de 24 para 14. Já a Haas segue no calvário de não pontuar e, após estar entre as intermediárias, agora aparece na penúltima colocação.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (08/22)

GettyImages-1402476664.jpg

A dobradinha no GP do Azerbaijão, com vitória de Max Verstappen e volta mais rápida de Sergio Perez, foi perfeita para a Red Bull. Além de extrair o máximo de pontos possíveis nas ruas de Baku, a equipe austríaca viu a Ferrari, sua principal adversária na briga pelo título, abandonar a prova com os dois carros, deixando de pontuar. Assim, a vantagem que era de 36 pontos sobe para nada menos que 80, dando quase duas corridas de folga para os touros vermelhos. “Comendo pelas beiradas”, a terceira colocada Mercedes já aparece “no cangote” da Ferrari. Apesar do desempenho aquém do esperado, as flechas de prata têm uma vantagem: não quebram. O time alemão foi o único, até o momento, a não ter abandonos na temporada 2022 da Fórmula 1.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (07/22)

1399926665Com a vitória de Sergio Perez e o terceiro lugar de Max Verstappen, a Red Bull saiu vitoriosa do GP de Mônaco frente à Ferrari. A vantagem dos austríacos subiu de 26 para 36 pontos após a prova nas ruas de Monte Carlo, com Carlos Sainz em segundo e Charles Leclerc em quarto pela equipe italiana. A Mercedes aparece em uma fase intermediária da tabela, enquanto a McLaren começa a “desgarrar” como “melhor do resto”.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (06/22)

1398645906

O resultado do GP da Espanha foi a realização de um sonho para a Red Bull. Seis pontos atrás no Mundial de Construtores antes da prova, a equipe austríaca cravou a dobradinha e a volta mais rápida, somando o máximo de pontos possíveis em Barcelona. De quebra, viu a então líder Ferrari pontuar apenas com Carlos Sainz em quarto, devido ao abandono de Charles Leclerc. Como resultado, os touros vermelhos assumiram a dianteira e abriram uma vantagem de 26 pontos sobre a rival. A Mercedes também reduziu a diferença para os italianos, baixando de 56 para 49. Como “melhor do resto”, a McLaren segue no quarto posto, mas viu a distância para as adversárias cair: de 15 para 11 pontos em relação à Alfa Romeo e de 20 para 16 em comparação com a Alpine.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (05/22)

1396136010

Se a disputa no Mundial de Pilotos promete bastante até o fim da temporada, o Mundial de Construtores da Fórmula 1 2022 não fica atrás. Após o resultado do GP de Miami (leia aqui), a Ferrari segue na ponta, mas com vantagem menor: caiu de 11 para seis pontos. O resultado da prova norte-americana, aliás, foi relativamente ruim para os italianos, que tinham a primeira fila na largada. A situação só não piorou devido à perda de potência reclamada por Sergio Perez e, posteriormente, o erro do mexicano na freada ao ultrapassar Carlos Sainz, impossibilitando uma nova tentativa de superar o espanhol. A Mercedes se consolida como terceira força e deixa as demais equipes brigando pelo título virtual de “melhor do resto”, ainda com a McLaren na quarta posição e um surpreendente quinto lugar da Alfa Romeo.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (04/22)

1240205358

A dobradinha no GP da Emilia-Romagna, a quase pontuação máxima na Sprint e a melhor volta cravada por Verstappen colocaram a Red Bull bem próxima da liderança do Mundial de Construtores da Fórmula 1 2022. Novamente sem pontuar com Sainz e pagando por um erro de Leclerc nos últimos giros da etapa passada, a Ferrari viu a rival austríaca colar na disputa. A diferença entre elas, que era de 49 pontos, passou para nove. A Mercedes caiu para o terceiro posto, após pontuar apenas com Russell, e viu a diferença para a McLaren diminuir de 43 para 29. A Alfa Romeo ultrapassou a Alpine e subiu para quinta, enquanto a AlphaTauri superou a Haas e avançou para sétima. Por fim, a Aston Martin somou os primeiros pontos e tomou a nona colocação da Williams.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (03/22)

1390589608

Com mais uma vitória de Charles Leclerc, a Ferrari se manteve na liderança isolada do Mundial de Construtores da Fórmula 1 2022. A diferença para a Mercedes, segunda colocada, caiu de 40 para 39 pontos, devido à soma feita por George Russell e Lewis Hamilton e o abandono de Carlos Sainz no GP da Austrália. Os alemães também ampliaram a diferença para a Red Bull, que conquistou pontos apenas com Sergio Perez. Até então oitava, a McLaren pulou para a quarta colocação, à frente da Alpine, enquanto a Alfa Romeo superou a Haas. No fim da tabela, a Williams ultrapassou a Aston Martin, agora última colocada.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (02/22)

1388033629

Apesar de não ter vencido, a Ferrari conseguiu extrair boa pontuação no GP da Arábia Saudita (leia aqui), com dois lugares no pódio e a volta mais rápida. Os italianos abriram vantagem sobre a Mercedes, mas a diferença para a Red Bull caiu, agora que os touros vermelhos enfim pontuaram e estão na terceira posição. O campeonato começa intenso, com a Alpine subindo para quarta, seguida por Haas e Alfa Romeo, em uma disputa que deve ter ainda AlphaTauri e, talvez, McLaren. No momento, apenas Aston Martin e Williams não pontuaram.

Continuar lendo

Fórmula 1 2022: Classificação do Mundial de Construtores (01/22)

1239368066

O ano não poderia ter começado melhor para a Ferrari. A escuderia italiana fez a dobradinha e ainda cravou a volta mais rápida, extraindo o máximo de pontos possíveis do GP do Bahrein (leia aqui). O time ainda foi “beneficiado” com o duplo abandono da Red Bull, que, nesta primeira etapa, foi a equipe que mais se aproximou, chegando a ameaçar a liderança de Leclerc com várias investidas de Verstappen na prova asiática. O segundo lugar está com a Mercedes, seguida por Haas, Alfa Romeo, Alpine e AlphaTauri. Aston Martin, Williams e McLaren também não pontuaram.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (22/22)

1237185485

Como se desenhava desde a última etapa, a Mercedes ficou com o Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021, conquistando o troféu pelo oitavo ano consecutivo. Com o carro e o motor mais confiáveis e também melhor rendimento na reta final, a escuderia não deu chance para a Red Bull, que acabou ainda abandonando com Perez e ficando ainda mais distante após a etapa final. Na briga pelo terceiro lugar, a Ferrari consolidou sua posição à frente da McLaren. Já a Alpine garantiu o quinto posto, mesmo com o bom resultado da AlphaTauri na última prova.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (21/22)

Lewis Hamilton lidera largada do GP da Arábia Saudita da F1 — Foto:  Joe Portlock - Formula 1/Formula 1 via Getty Images

O resultado do GP da Arábia Saudita (leia aqui) praticamente selou o Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021. Com o abandono de Sergio Perez após batida com Charles Leclerc, a Red Bull somou bem menos pontos que a Mercedes, o que fez os alemães ampliarem a vantagem de cinco para 28 pontos. Faltando apenas uma etapa, os austríacos precisariam somar o máximo de 44 pontos e os rivais chegarem a somente 16 para empatarem a briga e levarem o troféu pelo desempate. Ou seja: seriam necessários uma dobradinha e a melhor volta para a Red Bull, com a Mercedes conquistando no máximo um terceiro e um décimo lugares, por exemplo. Não é uma situação impossível, mas bastante difícil de ocorrer. Também estão praticamente fechadas as disputas de terceiro (a favor da Ferrari) e quinto (com a Alpine).

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (20/22)

1354667183

A Mercedes segue líder do Mundial de Construtores após o GP do Qatar, mas a vantagem voltou a cair consideravelmente. Agora, a diferença para a Red Bull é de apenas cinco pontos, deixando a disputa totalmente aberta a duas provas do fim – ainda que os alemães possam se sagrar campeões já na próxima etapa, com uma combinação de resultados específica. Já a briga pela terceira colocação tem a Ferrari praticamente garantida, haja vista que a distância subiu de 31,5 para 39,5. A luta pelo quinto posto também está favorável à Alpine, com os franceses, antes empatados com a AlphaTauri, agora abrindo vantagem de 25 pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (19/22)

https://www.formula1.com/content/dam/fom-website/sutton/2021/Brazil/Sunday/1353247741.jpg.transform/6col-retina/image.jpg

O crescente desempenho da Red Bull deixou a vantagem da Mercedes em apenas um ponto até o GP do México. No entanto, agora os alemães dão a resposta com a soma de resultados do GP do Brasil, considerando-se a corrida de domingo (14) e a Sprint de sábado (13). O rendimento deixou os germânicos com 11 pontos de diferença, o que não significa muito a três etapas do fim, mas é suficiente para deixá-los na dianteira por mais um fim de semana. Cada vez mais, cada ponto se mostra importantíssimo na briga pelo Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021, certamente o mais disputado dos últimos tempos. Já na briga pela terceira colocação, a Ferrari voltou a abrir distância sobre a McLaren, passando de 13,5 para 31,5, margem que pode ser suficiente para os italianos. Por fim, Alpine e AlphaTauri ficam empatadas por mais uma semana, ao menos, após somarem os mesmos seis pontos em Interlagos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (18/22)

Image

Duas etapas atrás, parecia que a Mercedes estava próxima de garantir o Mundial de Construtores da Fórmula 1 por mais uma temporada. No entanto, o campeonato de 2021 segue reservando emoções a cada corrida. Após um novo desempenho de destaque das Red Bull e o azar de Valtteri Bottas com um toque na primeira curva, o time austríaco encostou de vez na liderança. A diferença que era de 36 pontos há duas provas – e 23 após a última corrida – chega agora a apenas um ponto. Ou seja: cada vez mais, qualquer resultado será determinante: não por acaso, o finlandês cravou a volta mais rápida no GP do México, tirando o adicional que iria para a Red Bull. A disputa pelo terceiro posto também segue acirrada, agora com vantagem para a Ferrari, assim como a briga pela quinta colocação, com Alpine e AlphaTauri empatadas.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (17/22)

1348681958

A cinco etapas do fim, as brigas pelas melhores posições no Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021 seguem acirradas, Na disputa pelo título, a vantagem da Mercedes caiu de 36 para 23 pontos, o que ainda é uma diferença considerável, mas que pode ser tirada na reta final do campeonato, considerando-se o bom momento vivido pela Red Bull. Na luta pelo terceiro posto, a McLaren segue à frente, mas a margem caiu de 7,5 para 3,5 pontos, o que deixa a batalha em aberto até o último metro. Sem pontuar nos EUA, a Alpine segue na quinta colocação, mas com distância que caiu de 12 para 10 pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (16/22)

Bottas e Verstappen no GP da Turquia — Foto:  Dan Mullan /Getty Images

Apesar de ocupar dois dos três lugares do pódio, o resultado do GP da Turquia não foi favorável, na soma total, à Red Bull (leia aqui). No Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021, a Mercedes aumentou a diferença na ponta de 33 para 36 pontos, graças à vitória de Valtteri Bottas, o ponto extra de sua volta rápida e o quinto lugar de Lewis Hamilton. Ainda há briga a seis provas do fim, mas a situação dos alemães vem ficando bastante confortável. A briga pelo terceiro posto voltou a ficar acirrada, com a distância entre McLaren e Ferrari caindo de 17,5 para 7,5 pontos. Já a batalha pela quinta colocação ganha novos capítulos até o final do ano, com a margem da Alpine sobre a AlphaTauri sendo reduzida de 19 para 12 pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (15/22)

1342713891

O resultado do GP da Rússia ampliou a vantagem da Mercedes no Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021. A distância para a segunda colocada, Red Bull, passou de 18 para 33 pontos, uma margem relativamente confortável, mas facilmente alcançável com sete etapas a serem disputadas. A briga pelo terceiro posto segue emocionante, com a diferença da McLaren para a Ferrari subindo de 13,5 para 17,5. Por fim, a Alpine volta a superar a AlphaTauri, consolidando-se como a quinta força. A distância entre elas aumentou de 11 para 19 pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (14/22)

Start.png

Sem a pontuação dos líderes de cada time, a Mercedes se deu melhor que a Red Bull no GP da Itália (leia aqui). A alemã somou o terceiro posto e a vitória na Sprint de Valtteri Bottas, enquanto a austríaca conseguiu o segundo lugar na Sprint com Max Verstappen e a quinta colocação na prova de domingo com Sergio Perez. Assim, os germânicos aumentaram a vantagem de 12 para 18 pontos. A novidade é a terceira colocação da McLaren, que inverteu a vantagem de 11,5 da Ferrari para 13,5 a seu favor. Isso graças à dobradinha na etapa de domingo, a volta mais rápida do vencedor Daniel Ricciardo e a terceira colocação do australiano na Sprint. Na briga pelo quinto posto, melhor para a Alpine, que pontuou com Fernando Alonso e Esteban Ocon, enquanto a AlphaTauri mal andou em Monza.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (13/22)

1338463101

Ainda que tenha conquistado mias uma vitória, com Max Verstappen, a Red Bull viu sua distância para a Mercedes aumentar no Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021. Ainda que tenha feito uma corrida de recuperação fantástica, pulando de 20º para oitavo, Sergio Perez não conseguiu somar pontos suficientes para bater de frente com a rival, que conquistou o segundo e o terceiro lugares com Lewis Hamilton e Valtteri Bottas, respectivamente, além de ter somado o ponto extra da melhor volta. A disputa promete ser árdua até o fim, no entanto. O mesmo vale para a briga pelo terceiro posto, agora com a Ferrari na dianteira, abrindo boa margem sobre a McLaren: antes a vantagem era de 3,5 pontos favoráveis aos britânicos, ficando agora em 11,5 positivos para os italianos. Em seguida, Alpine e AlphaTauri segue travando disputa acirrada, enquanto a Aston Martin aparece em um decepcionante sétimo lugar.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (12/23)

1337090881

Como no caso dos pilotos, a pontuação pela metade, somada no “não disputado” GP da Bélgica (leia aqui), aplicou-se ao Mundial de Construtores. Com isso, a Mercedes continuou na ponta, mas agora com vantagem reduzida de 12 para sete pontos, enquanto a McLaren tomou o terceiro lugar da Ferrari. A Alpine continuou com o quinto posto, mas agora com AlphaTauri e Aston Martin ligeiramente mais próximas. Já a Williams abriu boa margem sobre as rivais Alfa Romeo e Haas.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (11/23)

1234380026

Com o segundo lugar de Hamilton e o nono de Verstappen na Hungria, a Mercedes tomou a liderança do Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021. A prova foi marcada pela lambança causada por Bottas (leia aqui), que tirou Perez e Norris da prova e danificou significativamente o carro de Max, e posteriormente pela colisão de Stroll em Leclerc, também fazendo ambos abandonarem e prejudicando o monoposto de Ricciardo. Sem pontuar, a McLaren viu a Ferrari empatar na lista, mas vencê-la nos critérios de desempate. A vitória de Ocon e o quarto lugar de Alonso fizeram a Alpine ultrapassar AlphaTauri e Aston Martin, assumindo a quinta posição. De quebra, a Williams anotou seus primeiros pontos desde o GP da Alemanha de 2019. Com os dois pilotos, o time inglês não pontuava desde o GP da Itália de 2018.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (10/23)

1329393092

O resultado do GP da Grã-Bretanha (leia aqui) foi desastroso para a Red Bull e derrubou a enorme vantagem que os austríacos tinham sobre a Mercedes. Com Verstappen colocado para fora ainda na primeira volta, Lewis Hamilton venceu, enquanto Valtteri Bottas foi terceiro. Em corrida de recuperação, Sergio Perez teve dificuldades, mas diminuiu as perdas ao cravar a melhor volta – e tirar o ponto extra dos adversários. No fim, a RBR somou apenas os três pontos do Sprint de sábado, enquanto os germânicos somaram uma grande quantidade. A briga pelo terceiro lugar segue quente, com a Ferrari mostrando que ainda pode disputar forte com a McLaren pela posição. Já a luta pelo quinto posto fica ainda mais firme, com apenas nove pontos separando AlphaTauri, Aston Martin e Alpine. Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (09/23)

1326941738

Antes da largada, a Red Bull parecia próxima de abrir uma grande distância sobre a Mercedes. A esperada dobradinha não veio, mas a soma de resultados acabou novamente sendo vantajosa aos touros vermelhos. A diferença em favor dos austríacos subiu de 40 para 44 pontos, deixando-os com uma corrida “perfeita” de diferença (dobradinha + melhor volta + rival sem pontos). A disputa pelo terceiro lugar segue firme, embora a McLaren também tenha elevado a distância de 12 para 19 pontos. O quinto lugar segue com a AlphaTauri, que novamente pontuou com Pierre Gasly, enquanto a Aston Martin passou zerada. O pontinho da Williams quase veio, mas a combinação de resultados fez a britânica superar a Haas.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (08/23)

1325741179

A vitória de Verstappen e o quarto lugar de Perez no GP da Estíria (leia aqui) foram suficientes para que a Red Bull voltasse a abrir vantagem sobre a Mercedes. A rival alemã conquistou o segundo posto com Hamilton e o terceiro com Bottas, mas a soma final, mesmo com a volta mais rápida cravada pelo britânico, favoreceu aos austríacos. A margem entre as escuderias passou de 37 para 40 pontos. A disputa pelo terceiro lugar segue acirrada, com a McLaren ainda à frente, mas com diferença que caiu de 16 para 12. Já a Aston Martin colou de vez na AlphaTauri, diminuindo a distância de cinco para dois pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (07/23)

1324561184

A vitória de Verstappen, o ponto extra da volta mais rápida do holandês e o terceiro lugar de Perez ampliaram a vantagem da Red Bull na liderança do Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021. Com a segunda e a quarta colocações da Mercedes, a equipe austríaca aumentou a diferença de 26 para 37 pontos, ficando com uma margem um pouco mais confortável na dianteira. O terceiro lugar volta a ser da McLaren, que teve bom resultado em Paul Ricard, enquanto a rival Ferrari não pontuou. A AlphaTauri mantém a quinta posição, com distância maior para Aston Martin (+5) e Alpine (+2).

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (06/23)

1322128758

Após ver a primeira dobradinha em anos – a última foi em 2016, na Malásia -, a Red Bull via a ameaça da Mercedes em tomar a vitória nas voltas finais no Azerbaijão (leia aqui). Mas o erro de Hamilton fez com que os alemães deixassem de pontuar pela primeira vez desde 2018, na Áustria. Com o triunfo de Perez, os touros vermelhos aumentaram a vantagem na ponta de um para 26 pontos, algo confortável nesse momento do campeonato, principalmente quando a Red Bull parece mais consistente, enquanto a Mercedes tem resultados aquém do esperado, especialmente com Bottas. Já a briga pelo terceiro lugar segue quente, agora com a Ferrari à frente da McLaren, também por diferença de dois pontos. No pelotão intermediário, a AlphaTauri ultrapassou a Aston Martin, enquanto a Alpine ficou mais distante da briga nesse momento.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (05/23)

GettyImages-1319425142.jpg

A Red Bull teve motivos de sobra para sorrir após o GP de Mônaco, disputado nesse domingo (23). Com a vitória de Max Verstappen (leia aqui) e o quarto lugar de Sergio Perez, os austríacos superaram a Mercedes no Mundial de Construtores da Fórmula 1 2021. A vantagem é de apenas um ponto, que poderia ser superior caso Lewis Hamilton não tivesse conquistado a volta mais rápida no principado. Porém, tal cenário seria impensável caso Valtteri Bottas não tivesse abandonado porque a porca de seu pneu dianteiro direito não saiu. A briga pelo terceiro lugar também ficou mais acirrada, com a diferença entre McLaren e Ferrari caindo de cinco para dois pontos. Por fim, a Aston Martin ganhou duas posições e agora é quinta, separada por um ponto da AlphaTauri e dois da Alpine.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (04/23)

1317103871

Com a vitória e o terceiro lugar no GP da Espanha (leia aqui), a Mercedes voltou a abrir distância sobre a segunda colocada Red Bull. A diferença passou de 18 para 29 pontos, dando margem relativamente confortável aos alemães nesse início de temporada. Os austríacos ainda “sofrem” com o processo de adaptação de Sergio Perez, mas o fato de Lewis Hamilton somar três vitórias já traz números positivos para os germânicos. Na briga pelo terceiro lugar, McLaren e Ferrari travam uma bela disputa: a vantagem dos ingleses caiu de 11 para cinco pontos. Já na disputa pela quinta colocação, a Alpine amplia a distência de quatro para cinco pontos sobre a AlphaTauri e de oito para 10 em relação à Aston Martin, certamente a escuderia com desempenho mais decepcionante no começo do campeonato de 2021.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (03/23)

Lewis Hamilton no GP de Portugal — Foto:  REUTERS/Marcelo Del Pozo

A distância entre Mercedes e Red Bull após o GP de Portugal (leia aqui) aumentou de sete para 18 pontos. No entanto, a situação de momento pode ser considerada bastante positiva para os austríacos. Quarto colocado, Sergio Perez começa a dar sinais de maior conforto ao volante, o que deve aumentar sua confiança para buscar melhores resultados e deixar a briga mais acentuada entre os dois times. A McLaren segue como terceira força, mas tende a ver uma briga mais acirrada com a Ferrari. A Alpine vai demonstrando grande evolução – passou de sétima para quinta -, enquanto AlphaTauri e, principalmente, Aston Martin vêm decepcionando.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (02/23)

Com Bottas fora e o risco de Hamilton não conseguir somar muitos pontos, a Red Bull chegou a tomar a liderança provisória do Mundial de Construtoras durante o GP da Emilia-Romagna. Mas com a ausência de Perez da zona de pontuação, a vitória de Verstappen não foi suficiente para garantir a dianteira dos austríacos. A diferença entre os times cai agora de 13 para sete pontos – poderiam ser cinco, se Lewis não tivesse “roubado” a volta mais rápida de Max -, dando a tônica de um belo duelo para as próximas 21 etapas da Fórmula 1 2021. Mais atrás, a briga se aquece entre McLaren e Ferrari, que começam a se distanciar do restante do pelotão intermediário.

Continuar lendo

Fórmula 1 2021: Classificação do Mundial de Construtores (01/23)

Com a vitória e o terceiro lugar no Bahrein (leia aqui), a Mercedes inicia a temporada 2021 da Fórmula 1 na liderança do Mundial de Construtores. A primeira etapa, porém, dá sinais de que o campeonato não será tão fácil para os alemães. A vitória escapou por pouco das mãos da Red Bull, que ainda teve um início desesperador com Sergio Perez. O mexicano precisou largar dos boxes e ainda chegou em quinto, em uma fantástica recuperação. A prova asiática também reforçou o bom momento da McLaren e, mais ainda, a enorme evolução da Ferrari em relação a 2020, tendo um carro que ao menos não fará vergonha. As decepções de início ficam para Alpine e, principalmente, Aston Martin.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (17/17)

Concluído o GP de Abu Dhabi, também foi encerrado o Mundial de Construtores da Fórmula 1, com a definição de quem ficou com o título simbólico de “melhor do resto”. Com o quinto e o sexto lugares na prova derradeira, a McLaren fechou a temporada na terceira colocação, atrás da campeã Mercedes e da vice Red Bull. A ultrapassagem foi possível devido ao abandono de Sergio Perez e ao tímido décimo lugar de Lance Stroll, somando apenas um ponto. A Renault foi a quinta, com a Ferrari em seguida, registrando sua pior temporada na F1 desde 1980, quando ficou com a décima colocação.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (16/17)

Após o título já garantido pela Mercedes e o segundo lugar conquistado pela Red Bull, a briga pelo terceiro posto entre os construtores ganhou os holofotes na Fórmula 1 2020. E se parecia que a McLaren caminharia livre para conquistar a posição, a Racing Point inverteu o favoritismo ao vencer o GP de Sakhir e ocupar também o terceiro lugar. A vantagem que era de 17 pontos para o time laranja virou uma margem de 10 pontos em favor da equipe rosa. Com apenas uma corrida para o fim do campeonato, até a Renault tem chances matemáticas de brigar pelo troféu simbólico. Para a Ferrari, restou se contentar com um decepcionante sexto lugar.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (15/17)

Com o título da Mercedes e o segundo lugar da Red Bull assegurados, as últimas provas da Fórmula 1 2020 têm aquecido a briga pelo terceiro lugar. E a Racing Point, que vinha firma ocupando essa posição, viu sua sorte mudar com o abandono de Lance Stroll e a quebra do motor de Sergio Perez a três voltas do fim no GP do Bahrein. De quebra, a dupla da McLaren ocupou o quarto (Lando Norris) e o quinto lugares (Carlos Sainz), disparando na frente. A duas etapas do fim, o time britânico está com franca vantagem sobre a equipe rosa. A Renault também teve o que celebrar, abrindo distância sobre a Ferrari, mas agora está mais distante de ficar com o terceiro posto.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (14/17)

Com o heptacampeonato da Mercedes garantido, o Mundial de Construtores da Fórmula 1 2020 ganha em emoção na briga pela terceira colocação. Ocupada pela Renault até então, ela passa a ser da Racing Point após o GP da Turquia, com uma vantagem considerável sobre a francesa, agora quinta. A McLaren segue no quarto posto, bem próxima do time rosa. Com o bom desempenho na última prova, a Ferrari reaparece para brigar também, estando a “apenas” 24 pontos da RP. Faltando três corridas, parece que nada é impossível de acontecer.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (13/17)

Bottas (esq.), Toto Wolff e Hamilton

A dobradinha no GP de Emilia-Romagna foi suficiente para que a Mercedes garantisse o heptacampeonato da Fórmula 1. A equipe alemã sobrou na temporada 2020, conquistando 11 vitórias nas 13 provas disputadas até agora. Faltando apenas quatro, a tendência é de que haja novos triunfos dos germânicos antes do fim do ano. A segunda colocação está praticamente garantida com a Red Bull, pela distância de 91 pontos para a terceira Renault. A francesa, aliás, ultrapassou de uma só vez McLaren e Racing Point, graças ao pódio de Daniel Ricciardo. O trio agora está separado por apenas um ponto, mantendo uma briga aquecida pela maior premiação. Sexta, a Ferrari viu sua diferença para a Alpha Tauri cair de 16 para 14 pontos, o que poderia ter sido pior com a permanência de Pierre Gasly na última etapa. Por fim, a Alfa Romeo somou mais três pontos, podendo serem determinantes para superar a Haas no campeonato.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (12/17)

Se o troféu do Mundial de Pilotos da Fórmula 1 2020 está prestes a encontrar um espaço na estande de Lewis Hamilton (leia aqui), o de Construtores já tem uma vaga no mural da sede da Mercedes-AMG Petronas, na cidade inglesa de Brackley. A cinco provas do fim, a equipe da estrela de três pontas tem uma vantagem de 209 pontos para a Red Bull, segunda colocada. Com 220 pontos máximos alcançáveis pelos touros vermelhos, o caneco está apenas aguardando ser levado até a fábrica da escuderia germânica. Na próxima corrida, basta que Hamilton ou Bottas cheguem na quinta posição para que o título seja confirmado.

Continuar lendo

Fórmula 1 2020: Classificação do Mundial de Construtores (11/17)

A Mercedes praticamente garantiu seu título do Mundial de Construtores da Fórmula 1 2020. Os alemães têm agora 180 pontos de vantagem sobre a Red Bull, uma diferença de mais de quatro dobradinhas com volta mais rápida (um máximo de 44 pontos por prova). A seis etapas do fim, a ultrapassagem dos austríacos sobre os germânicos é praticamente impossível. E os touros vermelhos ainda têm boa margem sobre os adversários, mas é importante notar a boa briga pelo terceiro lugar. Com os resultados do GP de Eifel, a Racing Point assumiu o último posto do pódio, superando a McLaren. Os britânicos ainda viram a Renault também se aproximar. A diferença entre as três continua pequena: era de sete pontos até o GP da Rússia, caindo para seis agora. Pior para a Ferrari, que segue na sexta colocação e distante das três adversárias. Além disso, a Alpha Tauri segue em seu encalço, baixando a distância entre ambas de 15 para 13 pontos.

Continuar lendo