Fórmula 1 2019: Classificação do Mundial de Pilotos (21/21)

Se as duas primeiras colocações já estavam definidas no Mundial de Pilotos da Fórmula 1 2019, faltávamos conhecer o terceiro colocado do campeonato da temporada que acabou de se encerrar. Com o segundo lugar no GP dos Emirados Árabes, Max Verstappen conquistou pontos suficientes para garantir o posto. Ele ficou à frente de Charles Leclerc e Sebastian Vettel, ambos da Ferrari, com o alemão já não tendo chances de alcançá-lo antes da prova noturna no Oriente Médio. Bom momento para Carlos Sainz, da McLaren, que ficou em sexto, um ponto à frente de Pierre Gasly, da Toro Rosso. “Novato” na Red Bull, Alexander Albon quase superou os rivais, ficando atrás por quatro pontos.

Continuar lendo

Fórmula 1 2019: Classificação do Mundial de Construtores (21/21)

O título de campeão do Mundial de Construtores da Fórmula 1 2019 entre construtores já estava garantido pela Mercedes há várias corridas. Com o fim da temporada, encerrado o GP dos Emirados Árabes, você confere abaixo a classificação atualizada do campeonato de escuderias.

Continuar lendo

F1: Hamilton vence em Abu Dhabi e coroa temporada de recordes

A temporada de 2019 parecia ser mais desafiadora para Lewis Hamilton após a primeira corrida, vencida por Valtteri Bottas. Mas o inglês não teve dificuldades em levar pra casa, pela sexta vez, o troféu de campeão da Fórmula 1. Nesse ano, venceu 11 das 21 etapas, a última delas em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, coroando um período de recordes. Ele igualou, por exemplo, o feito de Michael Schumacher de 2002, pontuando em todas as corridas, e também do Ayrton Senna, de 19 triunfos “de ponta a ponta”. Ele chegou ainda a 84 vitórias na categoria – aproximando-se das 91 de Schummy – e fez seu sexto Grand Chelem (pole, volta mais rápida e vitória), ficando a dois do recordista Jim Clark.

Continuar lendo

Fórmula 1 2019: Classificação do Mundial de Construtores (20/21)

Com os resultados do GP do Brasil, a temporada 2019 da Fórmula 1 ficou praticamente decidida para as escuderias. A Mercedes, já campeã, somou sete pontos, enquanto a Ferrari nada acrescentou. A Red Bull ganhou 25 com a vitória de Verstappen, mas já não tinha chances de chegar nos italianos. O título simbólico de “melhor do resto” fica com a McLaren, que abre 49 pontos sobre a Renault, já não podendo mais ser alcançada pela francesa. Esta viu a Toro Rosso se aproximar perigosamente, tendo apenas oito tentos de distância. Bom momento também para a Alfa Romeo, que vê como possível ultrapassar a Racing Point na última prova.

Continuar lendo

Fórmula 1 2019: Classificação do Mundial de Pilotos (20/21)

O GP do Brasil não poderia ter sido melhor para Max Verstappen. Vitorioso em Interlagos, o holandês também se beneficiou da confusão entre os pilotos da Ferrari e se colocou como favorito para ficar com o terceiro lugar na temporada 2019 da Fórmula 1. A vantagem sobre Charles Leclerc é agora de 11 pontos, enquanto a distância para Sebastian Vettel chegou a 30. O piloto da Red Bull e o monegasco vão brigar pelo “título” na última etapa. Na disputa pelo sexto lugar, Pierre Gasly e Carlos Sainz aparecem empatados, com vantagem para o francês, que tem duas voltas rápidas. Com seu melhor resultado, a segunda posição no Brasil, o corredor da Toro Rosso superou o “sucessor” Alexander Albon. O tailandês, aliás, era quem detinha tal colocação a duas voltas do fim, quando foi tocado por Hamilton e caiu para o fim da fila.

Continuar lendo

F1: Verstappen vence no Brasil, com Gasly e Sainz no pódio

Apesar de o campeonato já estar decidido, o GP do Brasil talvez tenha sido o mais emocionante da Fórmula 1 2019. Com Max Verstappen pilotando no limite, a Red Bull conquistou uma vitória que por pouco não seria uma dobradinha: na penúltima volta, Alexander Albon foi tocado por Lewis Hamilton, ficando para o fim da fila – o que rendeu punição ao hexacampeão. O resultado do enrosco e da sanção foi o inédito pódio para Pierre Gasly, da Toro Rosso, e Carlos Sainz, da McLaren, o primeiro do time inglês em mais de cinco anos. Há tempos também não se via um pódio sem as Mercedes e as Ferrari.

Continuar lendo

Fórmula 1 2019: Classificação do Mundial de Pilotos (19/21)

O segundo lugar no GP dos Estados Unidos garantiu a Lewis Hamilton seu sexto Mundial de Pilotos na Fórmula 1. O inglês supera Juan Manuel Fangio, isolando-se como segundo maior vencedor da história da categoria, atrás apenas de Michael Schumacher, com sete troféus. Por seu talento, pelo potencial da Mercedes e sua idade, ele tem chances significativas de igualar e até superar o alemão. A vitória no Texas deu a Valtteri Bottas, também da Mercedes, seu primeiro vice-campeonato. Foi o quarto triunfo do finlandês na temporada, o sétimo na carreira. A briga agora fica mais acirrada pelo terceiro lugar, com Charles Leclerc à frente de Max Verstappen e Sebastian Vettel.

Continuar lendo