Toyota anuncia saída de CEO

 Toyota CEO, President And All-Round Car Guy Akio Toyoda Is Stepping Down

Entusiasta comprovado, Akio Toyoda anunciou que deixará o cargo de chefe-executivo (CEO) da Toyota, empresa fundada por seu avô, Sakichi Toyoda. Aos 66 anos, o japonês se desligará da operação da montadora em 1º de abril, quando assume a presidência do conselho de administração da gigante asiática. Em seu lugar, assume Koji Sato, atualmente comandante de Lexus e Gazoo Racing, a divisão esportiva da Toyota.

Continuar lendo

Publicidade

Musk: Rival da Tesla virá da China

 Elon Musk Says Tesla’s Closest Rival Will Come Out Of China

Quase que diariamente surgem promissoras empresas destinadas a produzirem veículos elétricos de todo tipo e formato, a fim de seguir o exemplo de sucesso da Tesla. Mas, logicamente, não é fácil repetir o feito de Elon Musk. Para o CEO da montadora californiana, contudo, grandes competidores seguem surgindo e avançando, embora o mais forte deles, em sua opinião, virá da China. Foi o que ele revelou a analistas durante uma conversa, segundo a agência Bloomberg.

Continuar lendo

Toyota prepara terceiro híbrido nacional

A Toyota já está trabalhando na ampliação da gama híbrida produzida no Brasil. A informação foi revelada pela Secretaria de Negócios Internacionais do Estado de São Paulo, que confirmou um encontro do governador Tarcísio Feitas com o CEO da Toyota Research Institute, durante o Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça. Na reunião, eles teriam tratado da viabilização de um projeto com esta finalidade em território paulista, onde se situam as fábricas da gigante japonesa no País.

Continuar lendo

Vendas na Rússia despencam 58,8%

 Russian Car Sales Plunged Nearly 60% Last Year

A invasão à Ucrânia custou bastante para a Rússia. Além de gastar capital em equipamentos bélicos e estruturas de guerra, o governo local se viu diante de embargos de outras nações, contrárias à ação militar, como forma de “punição”. A operação se refletiu na debandada de grandes montadoras do país, o que impactou diretamente o mercado automotivo, mesmo com empresas locais assumindo fábricas e revendas. Como resultado, as vendas despencaram 58,8% ao longo de 2022, com um total de 687.370 veículos emplacados. Os dados são da Associação Europeia de Negócios (AEB).

Continuar lendo

Vendas: Hyundai HB20 crava bicampeonato; Chevrolet Onix e Onix Plus fecham pódio

Após se tornar o primeiro asiático a liderar o mercado brasileiro (leia aqui), o Hyundai HB20 repetiu o feito, conquistando a dianteira também em 2022. Mesmo sendo apenas sexto em dezembro, o compacto ficou 10.003 unidades à frente do segundo colocado, Chevrolet Onix. Frente a 2021, o coreano cresceu 11,34%, enquanto o rival melhorou os números em 15,79%. A terceira colocação ficou com o Chevrolet Onix Plus, que avançou 37,54% em relação ao ano anterior.

Continuar lendo

Vendas: Strada lidera comerciais, com Toro e Hilux completando pódio de 2022

Nem parece mais notícia, mas é: a Fiat Strada fechou outro ano na liderança de vendas entre os comerciais leves. Com 112.456 emplacamentos e crescimento de 3,07% frente a 2021 (leia aqui), a picape teve mais que o dobro da demanda da segunda colocada, sua irmã maior Toro, que conquistou 49.567 garagens, mas teve uma queda acentuada na procura em relação ao ano passado: -30,08% de variação. O terceiro posto ficou com a Toyota Hilux, escolhida por 48.606 compradores, 5,91% a mais que em 2021.

Continuar lendo

Vendas: Fiat é bicampeã no Brasil; GM e VW fecham pódio e Toyota passa Hyundai

A Fiat não teve dificuldades para se manter na liderança de vendas do mercado brasileiro, retomada em 2021 (leia aqui). Em um ano de pequena variação negativa (leia aqui), a marca italiana perdeu em volume (-0,19%), mas ganhou em participação, com aumento de 0,16 ponto percentual. A segunda colocação agora é da Chevrolet, que cresceu 20,36% em relação ao ano anterior e abocanhou 2,73 ponto do bolo. O pódio foi completado pela Volkswagen, ultrapassada pela GM. Prejudicada pela falta de componentes, a alemã perdeu 10,97% do volume e 1,56 ponto.

Continuar lendo

Vendas sobem pouco em dezembro; 2022 fecha com variação de -0,85%

As vendas de automóveis e comerciais leves arrefeceram em dezembro, com 202.176 emplacamentos, o que representa crescimento de “apenas” 5,33% sobre novembro e 4,47% em relação ao mesmo mês de 2021. Com o avanço mais contido, o acumulado de 2022 somou 1.957.699 veículos emplacados, refletindo-se em queda de 0,85% frente ao ano passado, quando 1.974.402 unidades foram licenciadas. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Continuar lendo

BYD chega perto de um milhão de carros elétricos vendidos em 2022

 BYD Sold 911,410 BEVs In 2022 And Is Closing In On Tesla

Recém-chegada ao Brasil (leia aqui), a chinesa BYD segue registrando avanço nas vendas de veículos elétricos em nível global. Em 2022, a empresa registrou 911.410 emplacamentos pelo mundo, chegando próximo da marca de um milhão de negociações. O resultado é ainda mais expressivo se colocado frente ao obtido em 2021: de um ano para o outro, o crescimento foi de 184%. Considerando-se também os híbridos plug-in, a asiática chega a 1.868.543 carros licenciados em 2022, com avanço ainda maior, de 214,7%.

Continuar lendo

Tesla registra recorde de unidades produzidas e comercializadas em 2022

 Tesla Delivered A Record 405,000 Vehicles In Q4 And 1.3 Million In 2022

Apesar dos contínuos ataques midiáticos, a Tesla de Elon Musk segue batendo recordes de produção e vendas, contrariando a visão de muitas análises pessimistas feitas no início das operações da empresa. Ao longo de 2022, a companhia produziu 1,37 milhão de unidades, tendo entregado 1,31 milhão deste total. O volume representa um avanço de cerca de 40% sobre 2021.

Continuar lendo

Chinesa Geely altera logotipo

 Geely Introduces New, Simplified Logo

Ausente do Brasil desde 2016 (leia aqui), após apenas dois anos de operação (leia aqui), a Geely segue como uma das maiores empresas do ramo automotivo na China. Além de controlar Volvo (leia aqui), Lotus/Proton (leia aqui), Smart (leia aqui), Lynk&Co (leia aqui) e Zeekr (leia aqui), a gigante asiática atua também em outras frentes ligadas ao setor de mobilidade, como aplicativos, além de possuir ações da Aston Martin (leia aqui) e uma parceria com a Renault (leia aqui). Para dar mais modernidade à sua imagem, ela agora com um novo logotipo, que segue a tendência global de design clean e sem relevos, em estilo 2D.

Continuar lendo

Argentina: Vendas fecham 2022 com alta de 6,8%; Toyota, Cronos e Hilux lideram

Dezembro foi um mês ruim de vendas de veículos na Argentina, quando 19.635 unidades foram emplacadas, 41,7% a menos que em novembro. Todavia, o volume foi 10,9% superior ao do mesmo período de 2021, ajudando o país a se recuperar. Na soma, 2022 contabilizou 407.532 exemplares licenciados, 6,8% a mais que no ano anterior. Dessa forma, é possível que a Argentina volte a ser o segundo maior mercado da América do Sul, posto perdido em 2021 para o Chile. Na liderança de vendas, não tivemos mudanças frente ao ano passado (leia aqui): a Toyota voltou à ponta, agora com a Fiat em seguida, enquanto o Fiat Cronos e a Toyota Hilux mantiveram a ponta entre automóveis e comerciais leves, respectivamente.

Continuar lendo

Ex-CEO da VW assumirá empresa de chips

Dispensado pela Volkswagen em julho (leia aqui), onde atuava como CEO desde 2018 (leia aqui), Herbert Diess terá uma nova casa. De acordo com o Financial Times, o executivo será apontado como presidente do conselho da Infineon, divisão da Siemens dedicada à fabricação de semicondutores/microchips, itens que causaram uma grande crise na indústria automotiva global nos últimos meses. A escolha ainda não foi formalizada, mas será oficializada na próxima reunião da mesa administrativa da companhia, em 16 de fevereiro de 2023.

Continuar lendo

Fábrica de combustível sintético da Porsche no Chile inicia operação

 Porsche Begins Producing Synthetic eFuel In Chile

Após pouco mais de um ano de obras (leia aqui), a primeira fábrica de combustível sintético (e-Fuels) “neutro de dióxido de carbono (CO2)” entrou em operação. Viabilizada por uma parceria entre a Porsche e as empresas Siemens e HIF, a planta produziu os primeiros litros de um líquido que pode ajudar a prolongar a existência dos motores a combustão interna. O modelo escolhido para receber o material foi o icônico 911, simbolizando a “nova era” que se iniciaria com esta tecnologia.

Continuar lendo

VW fabricará pesados na Argentina

Caminhões VW Delivery 9.170 e 11.180 já estão à venda nas concessionárias  do país

A Volkswagen anunciou que começará a produzir caminhões e ônibus também na Argentina, a partir de 2024. Em nota, a gigante alemã confirmou os rumores, indicando que usará a planta de Córdoba, onde atualmente fabrica transmissões, para viabilizar a montagem de modelos pesados na terra do tango. O projeto é fruto de um investimento de US$ 50 milhões e prevê a distribuição de veículos apenas para consumo interno, para reduzir as importações da empresa.

Continuar lendo

McLaren admite “estudar crossover”

A McLaren rejeitou a possibilidade de lançar um SUV em diferentes oportunidades (leia aqui e aqui). No entanto, aparentemente o assunto voltou a ser discutido internamente, haja vista que até mesmo a Ferrari se rendeu à categoria com seu Purosangue (leia aqui). Segundo o diretor de estratégia de produto da empresa, Jamie Corstophine, estuda-se a hipótese de a marca contar com um veículo “que leve mais de duas pessoas”. Mas ele não fala em SUV, apenas em “crossover”.

Continuar lendo

Mazda anuncia investimento em elétricos e mostra o que seria o futuro MX-5

A Mazda revelou seus planos para eletrificar a gama nos próximos anos. A japonesa comunicou que aportará 1,5 trilhão de ienes, cerca de R$ 55 bilhões na cotação atual, para aumentar a produção de veículos elétricos, com possibilidade até de fabricar as próprias baterias. No evento realizado em Tóquio, na terra do sol nascente, a marca revelou as linhas de um cupê que poderia substituir o MX-5 no futuro, mas nenhum detalhe sobre o modelo foi oficializado.

Continuar lendo

Bilstein chega oficialmente ao Brasil

Bilstein - Otto Car Parts | Otto Car Parts

Famosa por sua aplicação em esportivos e modelos de marcas premium, a Bilstein está desembarcando oficialmente no Brasil. De propriedade da ThyssenKrupp desde 2005, a empresa chega ao País com a distribuição dos produtos controlada pela matriz. Como diferencial frente a importadores independentes, a empresa aponta a certificação dos componentes junto ao Inmetro e, claro, a garantia de fábrica.

Continuar lendo

Vendas: HB20 lidera em novembro; Mobi e Onix Plus completam pódio

O Hyundai HB20 praticamente garantiu o “bicampeonato” de vendas no Brasil, ao liderar os emplacamentos em novembro com uma margem de mais de dois mil exemplares sobre o Chevrolet Onix, segundo colocado no acumulado de 2022. A distância de ambos supera os 13 mil veículos, uma diferença praticamente impossível de ser tirada apenas em dezembro. No mês passado, o segundo foi o Fiat Mobi, seguido por Chevrolet Onix Plus, Fiat Argo e Onix. Entre os destaques, há os avanços de Fiat Cronos (8º) e Volkswagen Polo (27º).

Continuar lendo

Vendas: Strada lidera com folga, Hilux pula para segunda e Toro fecha pódio

A Fiat Strada não teve dificuldades, novamente, para liderar o segmento de comerciais leves no Brasil. Em novembro, a picape quase dobrou o volume de vendas da segunda colocada, desta vez a Toyota Hilux, que segue em alta no mercado nacional. O terceiro posto foi ocupado pela Fiat Toro, seguida por Volkswagen Saveiro e Fiat Fiorino. No acumulado, a Strada segue na ponta, com Toro, Hilux, Chevrolet S10 e Saveiro fechando o top 5.

Continuar lendo

Vendas: Fiat lidera em novembro; VW passa Chevrolet e Toyota supera Hyundai

A Fiat voltou a liderar com folga o mercado brasileiro ao longo de novembro. A italiana se manteve na ponta, consolidando a dianteira no acumulado de 2022. O segundo posto ficou com a Volkswagen, que abriu uma vantagem considerável sobre a Chevrolet no mês, mas já não tem possibilidade de superar a rival no ano. A Toyota foi a quarta, ultrapassando a Hyundai em novembro, e encostou de vez na soma de 2022, prometendo briga ferrenha pela posição. Entre as premium, a BMW segue na liderança, sem ser incomodada pelas adversárias mais diretas.

Continuar lendo

Vendas sobem em novembro e acumulado praticamente estabiliza variação

As vendas de automóveis e comerciais leves voltaram a crescer no Brasil, segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Em novembro, foram emplacados 191.944 exemplares, ante 168.472 de outubro e 161.007 do mesmo mês do ano passado, refletindo-se em avanços de 13,93% e 19,21%, respectivamente. Deste modo, o acumulado chega a 1.755.543 unidades, 1,42% a menos que em igual período de 2021, quando 1.780.873 foram emplacados.

Continuar lendo

Borgward pede falência novamente

Borgward BX3

A alemã Borgward está dando adeus ao mercado outra vez. Ressurgida em 2015 (leia aqui), a empresa abriu pedido de concordata na Corte de Pequim, capital da China, onde está sediada a Beiqi Foton, sua controladora, para liquidar ativos a fim de pagar credores. O processo foi peticionado em novembro, mas rumores de que a montadora estava prestes a falir surgiram em 2020 (leia aqui). De acordo com o Automotive News Europe, não há mais detalhes sobre os caminhos que a empresa percorrerá daqui em diante, tampouco sobre o ofício formalizado pelos advogados.

Continuar lendo

Por falta de peças, Jaguar Land Rover corta produção até meados de 2023

A situação segue pouco animadora na Jaguar Land Rover nas últimas semanas. Após a renúncia do CEO Thierry Bolloré, de maneira inesperada (leia aqui), a empresa britânica agora precisa tomar uma ação drástica – mas que se tornou comum no mundo pós-pandemia -, cortando sua produção no Reino Unido. O volume fabril será bastante reduzido até meados de 2023, devido à escassez de suprimentos que afeta a indústria global.

Continuar lendo

Chinesa Xiaomi quer vender mais de 10 milhões de elétricos anualmente

Fundador da Xiaomi, Lei Jun tem meta ambiciosa

A gigante de tecnologias Xiaomi tem planos ambiciosos para o mercado de veículos elétricos. Ainda sem anunciar o primeiro modelo, a divisão de automóveis da empresa chinesa, aberta em setembro de 2021, já traçou metas altas em termos comerciais. Em seu perfil no Twitter, o fundador da companhia, Lei Jun, revelou que o objetivo da montadora é negociar cerca de 10 milhões de unidades por ano, quando a gama estiver preenchida e as fábricas atuarem a plenos pulmões.

Continuar lendo

BorgWarner terá fábrica de baterias para veículos elétricos em Piracicaba (SP)

BorgWarner anuncia montagem de pacotes de baterias no Brasil

Uma das maiores fabricantes de componentes veiculares do mundo, a BorgWarner anunciou a construção de uma fábrica de baterias no Brasil. A gigante norte-americana trabalha na abertura de uma unidade em Piracicaba (SP) para produzir módulos de gerenciamento e pacotes de células, para alimentação de motores elétricos que equipam automóveis. As atividades começam já no primeiro semestre de 2023.

Continuar lendo

Russa Moskvich terá carros da JAC

Russia relaunches production of Soviet-era Moskvich in Moscow

O renascimento da marca Moskvich foi confirmado quando a Renault anunciou a venda de suas operações na Rússia (leia aqui), ainda como consequência da guerra iniciada pelo país frente à Ucrânia. Ao negociar a fábrica de Moscou e direitos da gigante AvtoVaz, dona da Lada, com o instituto local Nami, levantou-se a possibilidade de montadora, extinta há duas décadas, voltar à “vida”. Agora, confirma-se o ressurgimento, já com um modelo definitivo, que toma por base um SUV da JAC. O modelo é similar ao crossover vendido no Brasil como e-JS4 (leia aqui).

Continuar lendo

Mazda vende fábrica na Rússia

Employees work on the production line of the CX-5 model car at the Mazda Sollers Manufacturing Rus joint venture plant of Sollers and Japanese Mazda in Vladivostok

Com operações paralisadas na Rússia desde março (leia aqui), devido às sanções impostas ao país após a invasão feita na Ucrânia, a Mazda vai encerrar de vez as atividades por lá – ao menos por enquanto. A empresa japonesa acertou a venda de 50% das ações que detém na montadora local à Sollers, sua parceira desde 2011 (leia aqui) e detentora da outra metade da companhia. Na negociação, está inclusa a fábrica situada em Vladivostok, na região Oeste, perto das fronteiras com China e Coreia do Norte.

Continuar lendo

General Motors voltará à Europa

A General Motors tem planos de retomar sua operação na Europa. De acordo com a revista francesa AutoPlus, a empresa almeja se recolocar no Velho Continente, apostando nos veículos elétricos para retomar o espaço perdido por lá. O projeto vem sendo colocado em prática desde novembro de 2021 e prevê vários lançamentos, de diferentes marcas da gigante norte-americana. Não há, porém, uma data para que a operação seja iniciada.

Continuar lendo

Vendas: HB20 lidera em outubro e encaminha “bicampeonato” no Brasil

O Hyundai HB20 voltou a liderar as vendas de automóveis no mercado brasileiro, com mais de mil unidades de diferença para o Chevrolet Onix, terceiro em outubro. Deste modo, o coreano abre mais de 10 mil exemplares de distância para o rival, segundo no acumulado, praticamente garantindo o “bicampeonato”. No mês, o segundo posto ficou com o Chevrolet Tracker, que trava duelo com o Volkswagen T-Cross pelo “título” entre SUVs compactos.

Continuar lendo

Vendas: Fiat lidera em outubro; Volkswagen e Chevrolet completam pódio

Em mais um mês, a Fiat não tomou conhecimento das rivais e liderou com sobras o mercado brasileiro de automóveis e comerciais leves. A italiana aumentou sua participação em outubro, em relação a setembro, e chegou a quase 22% de fatia no acumulado de 2022. A segunda colocação segue com a Chevrolet, seguida pela Volkswagen. A Hyundai foi novamente a quarta, abrindo vantagem sobre a quinta Toyota. Em outubro, a Renault apareceu no sexto posto, logo à frente da Jeep, mas as duas invertem posições na soma dos 10 meses deste ano. Honda, Citroën e Nissan fecharam o top 10.

Continuar lendo

Vendas voltam a subir em outubro, em relação a 2021, mas há queda ante setembro

As vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil alcançaram 168.474 unidades ao longo de outubro, o que representa 12,28% de alta frente ao mesmo período do ano passado. Todavia, há uma retração de 6,62% em comparação com setembro, mantendo o comportamento registrado ao longo de 2022. No acumulado de janeiro a outubro, somam-se 1.563.619 emplacamentos, com ligeira queda de 3,47% frente a 2021. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Continuar lendo

Após sair da China, Jeep confirma pedido de concordata em joint-venture local

Após anunciar a saída da China (leia aqui), a Jeep revelou ter dado início a um processo de concordata no gigante asiático. Segundo a Stellantis, que controla a marca, a medida legal envolve toda a joint-venture, o que inclui a parceira local GAC (sigla para Guangzhou Auto Company). A empresa reiterou que não terá mais produção por lá, atuando apenas com veículos importados.

Continuar lendo

Kia também deixa a Rússia

Como outras grandes montadoras, a Kia anunciou que deixará de atuar oficialmente na Rússia. Ainda como reflexo da invasão à Ucrânia, a gigante coreana teme os efeitos em longo prazo que o conflito bélico deve causar no país, haja vista que as primeiras projeções apontavam para seu fim em poucas semanas. Além dela, também já confirmaram a retirada empresas como Renault, Nissan, Volkswagen, Toyota, Mercedes-Benz e Ford.

Continuar lendo

BYD quer fabricar elétricos na Bahia

Ampliando sua atuação no Brasil com lançamentos recentes, a BYD pode iniciar a produção de veículos elétricos no País. Segundo o site Automotive Business, a empresa negocia com o governo da Bahia a viabilização de duas fábrica de veículos e outra de baterias em Camaçari (BA), onde operava a Ford. Na semana passada, as partes assinaram um protocolo de intenções com a promessa dos chineses de investir R$ 3 bilhões no projeto.

Continuar lendo