Chrysler deixará Austrália

Chrysler dice addio ad un altro mercato - MotoriSuMotori.itSérie do 300 (esq.) prestava tributo ao Valiant (dir.)

Com uma gama limitada à minivan Pacifica e ao sedã 300, na iminência de ser descontinuado (leia aqui), a Chrysler segue reorganizando sua atividade em nível global. Dessa vez, a marca anuncia sua saída do mercado australiano, deixando de atuar no país após 70 anos, com um hiato entre 1980 e 1994. O fim da operação se deve justamente ao fim iminente do 300, único veículo que a empresa comercializava por lá.

Continuar lendo

Publicidade

Toyota aplicará novidades no Land Cruiser 70 Series, ainda à venda na Austrália

Toyota 70-Series Land Cruiser

Lançado originalmente em 1984, o Land Cruiser J70 segue firme e forte em mercados com volante à direita, como na Austrália. Por lá, ele acaba de ter anunciadas mudanças pela Toyota, que serão oficializadas no prazo máximo de 12 meses. Bastante popular na grande ilha do Índico, o utilitário receberá alterações para, principalmente, atender às normas de segurança locais.

Continuar lendo

Nissan revela reforma da Frontier no exterior; mudança chega ao Brasil em 2021

A Nissan divulgou as primeiras imagens da reestilização da Frontier, que chegou à geração atual em 2014 (leia aqui), mas só em 2017 desembarcou no Brasil (leia aqui). As mudanças são leves, mas conferem um ar mais agressivo à picape. Na Austrália, onde foi apresentada, ela ganha ainda o acabamento estradeiro Pro-4X. As novidades chegam aqui apenas em 2021, após serem aplicadas na variação fabricada na Argentina.

Continuar lendo

Próxima Ford Ranger terá motor V6 a diesel e opção de propulsão híbrida

Flagra do que seria a próxima Ranger [Foto: Whichcar.com.au/wheels]

Aguardada para o final de 2021, a próxima geração da Ranger terá uma mudança radical na gama de motores a partir de então. Segundo o site australiano CarExpert, a Ford vai oferecer a picape com um V6 a diesel e um sistema de propulsão híbrido, ambos inéditos em relação ao modelo atual, além do 2.3 a gasolina hoje disponível nos Estados Unidos. A novidade foi revelada por fontes ligadas a fornecedores da montadora norte-americana, que delegou a condução do projeto à divisão da Austrália, embora tenha fechado sua fábrica naquele país.

Continuar lendo

Renault Trafic chega à Austrália como Mitsubishi Express

A série de acordos das grandes marcas por veículos comerciais gerou mais um herdeiro: o Mitsubishi Express. Derivado do Renault Trafic, ele foi “emprestado” à aliada japonesa para colocá-la no segmento de furgões em Austrália e Nova Zelândia. O utilitário será restrito a esses dois mercados – e talvez chegue a alguma outra ilha vizinha menor -, trocando apenas os logotipos para ser vendido pela marca dos três diamantes.

Continuar lendo

F1: GP da Austrália é cancelado por coronavírus; temporada corre risco

Pode não ser dessa vez que a Fórmula 1 terá 22 etapas em um único ano, batendo seu recorde histórico (veja aqui nosso Guia F1 2020). A Federação Internacional de Automilismo, o Liberty Media – detentor dos direitos comerciais – e os organizadores locais anunciaram o cancelamento do GP da Austrália, marcado para esse domingo (15). O motivo é o surto global do coronavírus Covid-19, em especial após um funcionário da McLaren ter testado positivo para a doença. A escuderia inglesa já havia informado que não marcaria presença nessa corrida. Por ora, não há previsão de quando ela acontecerá, mas o comandante da competição, Ross Brawn, afirma ter intenção de remarcá-la para mais pra frente.

Continuar lendo

Austrália registra queda nas vendas em 2019; volume é o pior desde 2011

As vendas de veículos novos também caíram na Austrália, como aconteceu em China, Estados Unidos e Reino Unido, por exemplo. No maior país da Oceania, os emplacamentos somaram 1.062.867 unidades, volume 7,8% menor que o aferido em 2018. Segundo a Câmara Federal das Indústrias Automotivas (FCAI), o resultado é o pior registrado por lá desde 2011. A Toyota liderou com folga entre as marcas, mais que dobrando o volume da segunda colocada Mazda, enquanto a Hilux ficou no topo entre os veículos.

Continuar lendo

Holden confirma fim do sedã Commodore, que dava origem ao Omega no Brasil

O último Commodore

A reestruturação global da General Motors fez mais uma vítima: o famoso Commodore, que rendeu três gerações do Chevrolet Omega no Brasil. Projeto da Holden para o mercado local, ele ficou menos impactante nessa última linhagem, quando a divisão australiana parou de produzir veículos, passando apenas a importá-los. Agora, a marca anuncia que o sedã não terá um substituto direto. Seu foco serão os SUVs e picapes.

Continuar lendo

Picape do Ford Focus está em desenvolvimento na Austrália

Projeção da picape derivada do Focus [Imagem: Wheels / Whatcar.com]

Extraoficialmente, a Ford já admite o desenvolvimento de uma picape menor que a Ranger (leia aqui), com base na plataforma estreada pela quarta geração do Focus (leia aqui). Agora, segundo o site WhatCar/Wheels, sabe-se que o projeto está sendo conduzido sob os cuidados da divisão australiana da marca. Conhecido internamente pelo código P758, o modelo final também será oferecido na América do Sul, para enfrentar Fiat Toro e similares.

Continuar lendo

Kia admite desenvolvimento de picape média para Austrália

[Imagem: Kia Telluride Forums/CarsGuide.com.au]

Apesar dos constantes rumores envolvendo a Hyundai, pode ser que a Kia saia na frente, dentro do grupo coreano, e apresente primeiro uma picape média. A criação de um veículo com caçamba, inédito na marca, foi confirmado pelo presidente da empresa para a Austrália. Ao site local CarsGuide, Damien Meredith revelou que o projeto já é tocado pela companhia: “o trabalho já começou”, disse.

Continuar lendo

Protótipo da próxima Ford Ranger é flagrado em porto na Austrália

[Foto: Whichcar.com.au/wheels]

Local habitual do desenvolvimento da Ranger, a Austrália serviu de palco para um flagra que pode ter revelado parte das linhas da nova geração do modelo da Ford. Uma picape com linhas um tanto familiarizadas com a gigante do oval azul foi flagrada em um porto no país dos cangurus, podendo ter revelado parte das soluções estéticas da futura linhagem do produto. Vale lembrar que o projeto dará origem também à próxima Volkswagen Amarok.

Continuar lendo

Presidente da Holden nega que General Motors esteja negociando a marca

Após surgirem rumores de que a General Motors estaria se desfazendo da Holden (leia aqui), o presidente da marca australiana, Dave Buttner, veio a público negar a informação. Segundo o executivo, não há qualquer chance de que isso vá acontecer. Em uma conferência nacional de concessionários, o executivo reiterou que a empresa vai se manter da maneira que está. “Não tem qualquer chance de mudarmos nossa distribuição. Eu não cheguei à companhia para fechá-la”, ressaltou. A informação é do site Car Advice.

Continuar lendo

General Motors pode vender Holden a distribuidora e deixar Austrália

Os rumores sobre o fim da Holden são antigos: desde 2013, fala-se que a General Motors poderia desistir da marca australiana para globalizar a ainda mais a Chevrolet (leia aqui). O tempo passou, a divisão da Oceania encerrou suas atividades como montadora (leia aqui) e hoje atua apenas na importação de veículos. O próximo passo, porém, pode ser mesmo a “desistência” da GM. Segundo o jornal Australian Financial Review, citado pelo site Motoring, a gigante americana avalia vender a operação a um distribuidor local. Assim, ela passaria apenas a fornecer os produtos de acordo com a demanda da futura parceira.

Continuar lendo

Holden apresenta conceito Time Attack

A Holden apresentou um conceito futurista de competição chamado Time Attack. Coincidindo com os 50 anos de sua primeira vitória nos 1000 Km de Mount Panorama, em Bathurst, o protótipo com carroceria aerodinâmica mostra a proposta da marca para um veículo de alto rendimento dedicado às provas de volta única, conhecidas como Time Attack. Ele foi criado virtualmente e não será produzido.

Continuar lendo

Asfalto de rodovia derrete e gruda em pneus na Austrália

Poderia ser uma notícia das estradas brasileiras, que parecem derreter tamanha a má qualidade construtiva. Porém, aconteceu na Austrália. Uma rodovia local, conhecida como Millaa Millaa Road e localizada na cidade de Malanda, estado de Queensland, tinha sido pavimentada há pouco tempo. Após uma série de eventos, o asfalto ficou em um estado entre o líquido e o pastoso e grudou nos pneus dos carros que passaram pela autoestrada.

Continuar lendo

Entidade australiana chama atenção para segurança veicular de carros antigos

Não é novidade que carros mais novos são mais seguros, via de regra, que produtos produzidos no passado, quando comparamos produtos de conteúdo e posicionamento semelhantes. Todavia, a ANCAP, órgão ligado à Latin NCAP e que realiza testes de colisão voltados ao mercado australiano, voltou a alertar sobre esta diferença. Em um vídeo curto, a entidade mostra duas gerações distintas do Toyota Corolla, uma produzida em 1998 e outra em 2005, batendo frente a frente. Os bonecos utilizados são exibidos como humanos, para lembrar a todos que os efeitos de uma colisão acontecem em pessoas e não nos dummies que ocupam os carros nas simulações.

Vale a reflexão.

Continuar lendo

Airbag da Takata teria feito mais uma vítima na Austrália

Com imagem desgastada, pedido de concordata aberto e venda dos ativos à rival KSS (leia aqui), a Takata segue envolvida no escândalo dos airbags “mortíferos”. Segundo a agência Reuters, um novo caso de bolsa de segurança fatal, produzida pela empresa, está em investigação na Austrália. Um motorista teria vindo a óbito após uma colisão, quando o equipamento lançou fragmentos metálicos contra seu rosto.

Continuar lendo

GM encerra produção do Chevrolet SS na Austrália; fábrica fecha em outubro

Irmão do Holden Commodore (leia aqui) – que deu origem às duas últimas gerações do Omega vendido no Brasil -, o Chevrolet SS comercializado nos Estados Unidos teve suas vendas suspensas em fevereiro. Agora, o sedã sai de cena por completo. Produzido pela General Motors na Austrália, o modelo teve sua produção encerrada. Sua morte faz parte do processo de fechamento da fábrica da empresa na maior ilha do Índico (leia aqui).

Continuar lendo

Marcando o fim do Commodore, HSV lança séries finais

holden-hsv-commodore-gtsr-00

A Holden já confirmou o encerramento de suas atividades como fabricante na Austrália, o que significa o fim do Commodore, que chegou ao Brasil em duas gerações como Chevrolet Omega. Marcando o fim do modelo, a empresa lança três variações esportivas com seu braço de alto desempenho, HSV, inclusive com a carroceria da picape Ute. As versões são a GTSR (sedã), GTSR Maloo (picape) e GTSR W1, esta última a mais nervosa do trio.

Continuar lendo

Novo Holden Commodore é variação do Opel Insignia

holden-commodore-2018-04Já não era novidade que a Holden perderia sua identidade. A divisão australiana da General Motors havia anunciado o fim de suas operações como fabricante (leia aqui) para 2017 e até sua existência chegou a ser questionada (leia aqui). Ela, porém, continuará como braço da GM na Oceania, mas agora mostra que isso custará a vida de seu único produto local: o sedã Commodore e suas variações perua e picape (Ute). O modelo que deu origem às duas últimas gerações do Omega vendido no Brasil sai de cena, dando lugar a uma leitura própria do recém-lançado Opel Insignia (leia aqui).

Continuar lendo

Ford confirma fim da australiana Falcon Ute

As famosas picapes australianas já estavam com os dias contados quando General Motors e Ford (leia aqui) anunciaram o fim da produção de veículos na terra dos cangurus. Faltava, porém, que a profecia se concretizasse. E ela começou com a confirmação da descontinuação da Falcon Ute, a variação com caçamba do sedã Falcon destinada exclusivamente à Austrália. O último exemplar foi montado na sexta-feira (29), após 55 anos de lançamento da primeira geração.

Continuar lendo

Lexus também demonstra interesse em picape média

Lexus Picape ProjeçãoA Mercedes-Benz não é a única premium interessada no segmento de picapes médias. Enquanto trabalha na GLT – nome extra-oficial -, que será baseada na nova Nissan Frontier e produzida na Argentina, a rival Lexus avalia criar uma rival à altura. A solução seria caseira: tomar a base da Toyota Hilux para criar uma opção luxuosa. A informação é da revista australiana Motoring, também dona da projeção. Continuar lendo

Toyota apresenta novo SW4 no Oriente

Toyota Fortuner 2016 SW4 01Com design muito mais agressivo e moderno, novo SW4 chega por aqui cerca de seis meses depois da nova Hilux

Prevista para ser produzida na Argentina a partir de 2016, a nova geração do SW4 já está pronta no outro lado do mundo. A Toyota apresentou o completamente revisto Fortuner, nome do SUV derivado da Hilux naquela região. Ele faz sua estreia na Austrália em outubro, atuando acima do RAV4 e abaixo do Land Cruiser. Continuar lendo

Toyota oficializa nova Hilux na Ásia

Toyota Hilux Austrália 2016 - 01Picape completamente reformulada chega em breve ao Brasil; plataforma modular da Toyota estreia nela

Está pronta a oitava geração da Hilux, que desembarca no Brasil na virada do ano. A Toyota oficializou as linhas do modelo simultaneamente em Austrália e Tailândia, dois dos países onde ela tem grande demanda e para onde costuma ser desenvolvida. Reformulada, a picape segue a receita de rivais como a Chevrolet S10, tendo uma opção claramente voltada ao trabalho, com cabine simples e caçamba longa, e uma recreativa. Ela promete, quando chegar ao Mercosul fazer de tudo para tomar a liderança de vendas no mercado tupiniquim. Continuar lendo

Ford Austrália revela reestilização da Ranger

Ford Ranger 2016 01Frente da Ranger ganhará faróis mais complexos, passando requinte, entre outras alterações estéticas

A reestilização da Ranger, confirmada para o modelo feito na Argentina, foi oficializada na Austrália. A divisão local da Ford, que também apresentou a nova geração da picape, divulgou a primeira imagem do modelo atualizado. Como se esperava, a dianteira é inspirada no SUV Everest, que recentemente foi exibido na Tailândia, mas que está praticamente descartado para cá. Continuar lendo

Versão europeia/australiana do Accord não terá nova geração

Accord Tourer EuroModelo europeu, que dispõe de derivação perua, está com os dias contados; Honda decidiu tirá-lo de cena

A Honda bateu o martelo e decidiu que não fará um novo Accord para Europa e Austrália. Ao menos por enquanto, o sedã não terá um substituto direto nestes mercados. Por lá, ele difere da edição americana, a mesma trazida ao Brasil. O motivo é o fim do Acura TSX, que servia de base para a leitura europeia. Continuar lendo

Ford divulga imagens dos reestilizados Falcon e Territory na Austrália

Ford Territory 2015Atualização visual é a última do crossover e do sedã antes de suas descontinuações, marcadas para o final de 2016

Depois de apresentar a versão XR8 do Falcon, a Ford oficializou duas novidades na Austrália. Uma delas é a reestilização para o sedã também nas versões menos potentes, como já se esperava, dando um gás nas vendas até o fim do ciclo de vida do modelo. A outra é a atualização estética para o crossover Territory. A dupla teve poucos dados divulgados. Continuar lendo

Ford retoca sedã australiano Falcon

Ford Falcon XR8 2014Dois anos antes de ser descontinuado, sedã australiano ganha mudanças visuais para se alinhar à identidade da marca do oval azul

A Ford já confirmou que deixará de fabricar veículos na Austrália – depois de 91 anos -, o que culmina no fim do Falcon, produto feito exclusivamente para aquela região há 56 anos. No entanto, a descontinuação só acontecerá em outubro de 2016. Até lá, o sedã existirá fazendo frente a outro modelo da terra dos cangurus, Holden Commodore, da General Motors. Por isso, a marca do oval azul reforça seu representante com uma atualização visual, que chega primeiro ao acabamento esportivo XR8. A sigla estava fora de cena desde 2010, por isso é a pioneira em receber a reestilização. Continuar lendo

China lidera mercado global em janeiro; Brasil é quarto

Baojun 630 China - 02China mantém dianteira com quase o dobro de volume de vendas dos Estados Unido, segundo colocado, contabilizando apenas carros

A JATO Dynamics divulgou os números de vendas globais referentes a janeiro. O balanço mostra que a China se mantém na dianteira, com alta de 7,6% sobre o mesmo mês de 2012. Único mercado que apenas considera os automóveis, ele ficou à frente dos Estados Unidos (-2,2%) e do Japão (+29,1%), respectivamente. O Brasil começou 2014 na quarta colocação, com avanço de 1%. Confira abaixo os 15 maiores países de janeiro.

Continuar lendo

Toyota avalia SUV compacto para enfrentar EcoSport

Daihatsu Terios 1

Mal sabia a Ford que o EcoSport, projeto que colocou a marca do oval azul novamente no caminho da lucratividade no Brasil, renderia um novo segmento global. Após ganhar demanda em todo o mundo, os crossovers compactos recebem adeptos a cada ano. A próxima interessada é a Toyota, que poderia fazer ressurgir um SUV pequeno como o aqui extinto Terios. A informação é do site australiano CarAdvice.

Continuar lendo

GM confirma fim da produção na Austrália para 2017

Holden Commodore SS V - 02

Conforme as especulações indicavam, a General Motors deixará de fabricar veículos na Austrália. A gigante de Detroit confirmou o encerramento de atividades industriais naquele País para o final de 2017, o que indica o fim do Commodore, que chegou ao Brasil em três gerações como Omega. O fim da subsidiária local Holden não está descartado, o que reforçaria a presença da Chevrolet na região.

Continuar lendo

GM pode fechar a subsidiária autraliana Holden

Holden Commodore SS V - 01

Atuando exclusivamente na Oceania, a marca Holden pode seguir o caminho de Hummer, Saturn e Pontiac e ser extinta pela General Motors. De acordo com o site australiano News, a gigante de Detroit estuda seriamente encerrar as atividades de sua subsidiária local devido à queda na demanda por seus produtos. A intenção seria globalizar os veículos também comercializados por lá, adotando a Chevrolet como representante.

Continuar lendo

Crianças distraem mais o motorista que digitar mensagens no celular

Estudos anteriores apontaram que dirigir enquanto enviamos mensagem de texto pelo celular pode ser mais perigoso do que usar o aparelho para ligações. Agora uma pesquisa do Centro de Pesquisa sobre Acidentes da Universidade Monash de Melbourne, na Austrália, aponta que há algo que distrai ainda mais os condutores: crianças no banco de trás. A informação foi publicada pelo jornal britânico The Telegraph.

Continuar lendo